Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Ford Ranger Raptor é caminhonete mais rápida do Brasil e sobe até paredes

Por| Editado por Jones Oliveira | 24 de Novembro de 2023 às 10h00

Link copiado!

Felipe Ribeiro/Canaltech
Felipe Ribeiro/Canaltech
Tudo sobre Ford

A Ford anunciou oficialmente a chegada da Ranger Raptor, versão de performance de sua caminhonete média. Pela primeira vez importado oficialmente pela montadora ao Brasil, o modelo agora é a picape mais rápida à venda em nosso mercado. O preço: R$ 448.600.

Na atual geração, a Ford Ranger Raptor não é um projeto derivado da Ranger convencional. Segundo a montadora, tudo nessa versão da picape foi pensado para ela, tornando-a independente, e isso fica justificado pelas novas medidas, mudanças estruturais e, claro, o powertrain, sempre com foco na performance extrema tanto na cidade quanto no off-road.

Em comparação com a Ranger Limited, a Raptor tem 10mm a mais de comprimento (5.360mm contra 5.350mm), 90mm a mais na bitola dianteira (1.710mm contra 1.620mm) e 40mm a mais de altura (1.926mm contra 1.886mm). Visualmente, essa picape passa mais robustez e esportividade, muito também em função das rodas aro 17 com pneus de 33 polegadas.

Continua após a publicidade

O chassi, por sua vez, está mais forte e resistente, além de ter recebido ajustes exclusivos na suspensão, com curso 32% maior na dianteira e 18% na traseira, resultando em uma caminhonete mais apta a velocidades altas no off-road. Além disso, a suspensão vem com sistema ativo Fox Live Valve Shocks 2.5, que realiza ajustes de acordo com a exigência do motorista no momento.

"Realizamos alguns testes pelo mundo com a Ranger Raptor e, em comparação com a Ranger convencional, há situações em que a picape "normal" poderia percorrer a somente 40 km/h. Com a Raptor, sua capacidade de motor e estrutura permite fazer isso a 170 km/h", explica Gilmar de Paula, engenheiro-chefe da Ford América do Sul, em apresentação que contou com a presença do Canaltech.

A picape mais rápida do Brasil

Continua após a publicidade

A Ford Ranger Raptor é uma caminhonete essencialmente esportiva e isso fica bem claro quando vemos os números. A caminhonete recebeu o motor 3.0 V6 Biturbo a gasolina, que rende impressionantes 397cv e 59,4 kgf/m de torque, fazendo com que esse monstro de 2.400kg vá de 0 a 100 km/h em apenas 5,8 segundos, tornando-a, disparadamente, a picape mais rápida do Brasil.

O câmbio é da mesma família do Mustang e da F-150, com 10 marchas, porém com outra calibração e tecnologia embarcada. Segundo a Ford, o mapeamento do motor é individualizado em cada marcha, favorecendo a performance da picape. A tração segue integral, com caixa reduzida disponível e há, também, o diferencial blocante traseiro e dianteiro.

Os modos de condução adotados para a Ranger Raptor visam sempre o desempenho e segurança, com exceção ao "normal", que vai tornar a caminhonete menos agressiva e com uso mais ameno para a cidade. Os destaques nesse caso vão para o seletor Baja, que desliga os controles de tração e estabilidade, liga o escapamento no volume máximo e extrai o máximo da picape tanto no asfalto quanto na terra.

Continua após a publicidade

Já o modo Rock Crawl foi pensado para situações extremas no deserto e em regiões montanhosas. Com esse modo, a Ranger Raptor é capaz de escalar paredes, graças ao sistema que modula o curso do acelerador e do freio, garantindo mais aderência e controle. Isso também fica potencializado pelos ângulos operacionais da Raptor, com 32º de entrada e 27º de saída.

Todos os modos de condução podem ser personalizados e misturados, como o escape mais esportivo e a suspensão mais leve, por exemplo. Além disso, há a opção de dirigir a Ranger Raptor em modo 100% manual, com as aletas de troca de marchas disponíveis.

"A Ranger Raptor vem para proporcionar o máximo em performance quando pensamos em uma picape. Foram mais de 50 mil km de testes no Brasil para validar esse produto por aqui e garantir que ela fosse capaz de atender às expectativas do mercado", afirma de Paula.

Continua após a publicidade

Segundo a Ford, a capacidade de carga da Ford Ranger Raptor é de pouco mais de 700kg, já que o foco desse modelo não é o trabalho.

A mais tecnológica da linha

A Ford Ranger Raptor trouxe consigo todas as benesses tecnológicas que vimos na Ranger Limited e veio com muita tecnologia embarcada. De série, a picape vem com pacote completo de segurança ativa e infotenimento, mais alguns acréscimos interessantes.

Há o pacote ADAS completo, contemplando o alerta de colisão frontal, frenagem automática de emergência, piloto automático adaptativo com Stop & Go, alerta de ponto cego com tráfego cruzado, assistente de saída de faixa com correção ativa, estacionamento semiautônomo, reconhecimento de placas de trânsito, sete airbags, assistente de cruzamentos e assistente de manobras evasivas.

Continua após a publicidade

Além disso, há o novíssimo conjunto óptico composto por LEDs matriciais e adaptativos, que se ajustam aos veículos da frente de forma inteligente, evitando desconfortos e acidentes.

Já sobre o infotenimento, tudo segue como na Ford Ranger Limited, mas com alguns acréscimos. O Sync 4 segue como a central multimídia, com tela de 12 polegadas e espelhamento sem fio de Android Auto e Apple CarPlay, mas há adição do sistema de som da B&O com oito alto-falantes.

Em termos de conectividade, o Ford Pass Connect também segue disponível, oferecendo telemetria avançada e concierge gratuitamente.

Continua após a publicidade

Ford Ranger Raptor: Preço e disponibilidade

A Ford Ranger Raptor chega ao mercado brasileiro por R$ 448.900, com encomendas já abertas em todos as 110 concessionárias da Ford pelo Brasil. As primeiras entregas, segundo a marca, começam em fevereiro de 2024.