Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

BYD fecha compra da fábrica da Ford na Bahia e prepara anúncio oficial

Por| Editado por Jones Oliveira | 29 de Junho de 2023 às 11h09

Link copiado!

Divulgação/BYD
Divulgação/BYD

A novela envolvendo BYD, governo da Bahia e Ford, que tinha como trama principal a compra da antiga fábrica da montadora estadunidense por parte da empresa chinesa, finalmente terminou. E com final feliz.

Em sua conta oficial no Twitter, o governador do estado Jerônimo Rodrigues (PT) confirmou que a BYD assumirá as instalações da Ford em Camaçari e, em breve, dará início à fabricação de carros elétricos no Brasil.

Continua após a publicidade
“Acabamos de sair da reunião com a BYD, o presidente Lula, o ministro Rui Costa (Casa Civil) e a nossa equipe. A BYD acabou de confirmar conosco que na próxima terça-feira (4) nós estaremos em Salvador anunciando a nova unidade de fabricação de automóveis elétricos no estado da Bahia, em Camaçari”.

Em nota enviada para a reportagem do Canaltech, a BYD evitou confirmar o martelo como batido, mas deixou claro nas entrelinhas que o negócio para assumir a antiga planta da Ford está sacramentado e o anúncio será mesmo feito no início da próxima semana.

“A BYD segue nas tratativas finais para o anúncio da fábrica no Brasil. Como divulgado pelo Governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, daremos mais detalhes sobre a produção de veículos no Brasil na próxima terça-feira, no evento que será realizado em Salvador”.
Continua após a publicidade

Sonho antigo

A ideia de fabricar carros elétricos no Brasil está há tempos nos planos da BYD. Em conversa com o Canaltechdurante o lançamento do segundo carro de passeio no país, o sedan Han, Adalberto Maluf, à época executivo da marca (e hoje no governo Lula), revelou os planos futuros da montadora.

Dois anos, e muitas conversas com a Ford depois, o plano finalmente se tornou realidade. A BYD pretende fabricar carros voltados para os setores de entrada e intermediários do mercado no Brasil, como o recém-lançado Dolphin, o futuro Seagull e os já testados Yuan Plus e Song Plus DMi.

Além disso, a montadora chinesa também pretende fabricar chassis para ônibus e caminhões elétricos, além de assumir a concessão do porto de Aratu, que estava sob os cuidados da Ford, para produzir energia eólica.