Melhores alternativas ao Clubhouse

Melhores alternativas ao Clubhouse

Por André Lourenti Magalhães | Editado por Bruno Salutes | 12 de Abril de 2021 às 21h30
Discord/Reprodução

O Clubhouse (iOS) foi um dos principais assuntos do mundo das redes sociais no começo de 2021. O aplicativo de salas de voz ao vivo atingiu a marca de 13 milhões de downloads no mês de março, segundo o App Annie –um número que impressiona pelo fato de ainda não possuir uma versão para Android.

O sucesso da plataforma reforçou a tendência das salas de voz, que vem sendo adotada por outros aplicativos e empresas. Algumas, inclusive, já disponibilizaram recursos parecidos com o Clubhouse, com salas compartilháveis e possibilidade de entrar como ouvinte. Existem, também, redes que já estão desenvolvendo essa funcionalidade. Confira, a seguir, uma lista com alternativas ao Clubhouse!

1. Telegram (Android | iOS)

Telegram permite a criação de conversas por voz em grupos e canais (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

O Telegram, popular aplicativo de mensagens, disponibiliza chats de voz em sua plataforma desde dezembro de 2020. Esses chats podem ser criadas em qualquer grupo ou canal do app, gerando links compartilháveis para facilitar a entrada de ouvintes e convidados.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Dentro das salas, existem moderadores que fazem a mediação da conversa e opções para levantar a mão e aguardar a hora da fala. Além disso, os chats de voz do Telegram são uma boa opção para quem quer desenvolver podcasts, tendo em vista que o aplicativo oferece a opção de gravar uma sala.

2. Twitter (Android | iOS)

Twitter também desenvolveu uma função similar ao Clubhouse (Imagem: Felipe Freitas/Captura de tela)

O Twitter desenvolveu a ferramenta Twitter Spaces, sua própria plataforma de salas de áudio ao vivo. No Spaces, as salas são públicas, permitindo que até 11 pessoas conversem simultaneamente – esses, chamados de "oradores". Os ouvintes podem interagir durante a conversa com reações e levantando a mão para comentários.

O Spaces ainda passa por algumas etapas de teste. Portanto, a criação de salas é limitada a alguns perfis. Ainda não há uma previsão oficial para que o recurso chegue a todos os usuários da rede social.

3. Discord (Android | iOS | Linux | macOS | Windows)

Crie canais de voz no Discord (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Outra plataforma popular que lançou sua versão inspirada no Clubhouse foi o Discord. No fim de março, o software de comunicação anunciou a chegada dos "Stage Channels", com chats de voz controlados por um anfitrião. O recurso divide os participantes entre administradores, oradores e audiência, com possibilidade de solicitar para falar em alguns casos.

Os Stage Channels são disponibilizados para as Comunidades, servidores populares que costumam abordar um tema específico. No entanto, qualquer servidor pode ser transformado em uma comunidade, desde que siga as regras da plataforma. No período de testes, o Discord ressaltou que as salas foram usadas para entrevistas, grupos de leitura e reuniões empresariais.

Opções em desenvolvimento

A expectativa é de que mais opções sejam lançadas ao longo do ano. O Spotify adquiriu a empresa Betty Labs em março e espera-se que o serviço de streaming entre na competição pelo domínio das salas de voz. Facebook e Instagram também estão desenvolvendo ferramentas próprias. Por fim, o CEO da plataforma Slack também anunciou que a empresa trabalha em uma plataforma com o estilo do Clubhouse.

Qual sua opção favorita? Comente!

Fonte: Discord, SocialMediaToday

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.