LG oficializa nova linha de TVs OLED no Brasil; veja preço e detalhes

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 14 de Junho de 2021 às 12h40
Reprodução/LG

Apesar de não ter conseguido se manter ativa no mercado de smartphones, a LG tem marcado forte presença no segmento de eletrodomésticos e eletroeletrônicos, especialmente no mercado de televisores, graças à linha de TVs OLED da companhia. A família já recebeu uma atualização para 2021 em janeiro, durante a CES, quando foram anunciadas as séries A1, C1 e G1.

Além de contar com a nova geração de processadores da marca, as séries de TVs OLED da LG contam com diversas novidades voltadas para o público gamer, bem como aprimoramentos de som e imagem. No último sábado (12), durante a conferência Ubi Forward, da desenvolvedora de games Ubisoft, a gigante sul-coreana oficializou de surpresa a chegada das novas televisões ao mercado brasileiro.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

OLED G1 Evo é carro-chefe da marca no Brasil

Modelo topo de linha da companhia, a LG OLED G1 Evo chegou em apenas uma versão de 65 polegadas, trazendo melhorias importantes no painel. Segundo a empresa, o display foi remodelado para acomodar uma camada adicional, entregando maior eficiência e brilho, um dos pontos criticados na geração passada.

As mudanças também englobam redução na emissão de luz azul, o que fez a G1 Evo ser uma das primeiras televisões a trazer certificação de baixa emissão do espectro pela TÜV Rheinland.

A LG OLED G1 Evo é o modelo mais premium da nova família de TVs da empresa (Imagem: Reprodução/LG)

Além do novo chip α9 de 4º geração, que promete maior desempenho de Inteligência Artificial e consequentes melhorias no processamento de imagem e som, o aparelho traz suporte a HDR10+ e Dolby Vision, além de Dolby Vision IQ, que adapta a calibração das cores de acordo com o conteúdo exibido. Há ainda Dolby Atmos, para entregar áudio tridimensional através do sistema de som 4.2 da G1 Evo.

Aqueles que preferem som externo também podem conectar caixas de som Bluetooth, para criar um setup simples ou mesmo mais completo de home theater, com a tecnologia Bluetooth Surround Ready. O aparelho também conta com HDR10 Pro, padrão da LG que otimiza os conteúdos HDR, e o Filmmaker Mode, que desabilita funções como a suavização de movimento para preservar os aspectos originais dos filmes e séries.

As novas TVs saem de fábrica com o webOS 6.0 (Imagem: Reprodução/LG)

Para os gamers, há quatro portas HDMI 2.1 para reprodução de conteúdo em 4K a 120 Hz com HDR, opções Game Optimizer para ajustar a imagem durante o gameplay, bem como suporte ao Nvidia G-Sync e AMD FreeSync Premium. Outras conexões incluem três portas USB, saída digital óptica e NFC, através do controle Smart Magic.

Fechando o pacote, há webOS 6.0 compatível com assistentes Amazon Alexa e Google Assistente, Apple AirPlay 2 e HomeKit, Miracast e modo galeria com tripé opcional para posicionar o aparelho em qualquer lugar do ambiente.

OLED C1 foca no público gamer

A LG OLED C1 é o modelo high-end da família, compartilhando da maior parte das especificações da G1 Evo, incluindo o painel remodelado mais brilhante, a certificação TÜV Rheinland de baixa emissão de luz azul e o processador α9 de 4º geração, que habilita aprimoramentos de imagem e som com IA. Também estão por aqui as tecnologias Dolby Vision e Dolby Vision IQ, HDR10+, HDR10 Pro e Filmmaker Mode.

A LG OLED C1 é voltada para o público gamer (Imagem: Divulgação/LG)

A companhia, no entanto, posiciona o modelo como principal opção para jogos, e destaca que o site especializado RTINGS definiu a C1 como a "melhor TV do mundo para gamers". Seu principal diferencial está nas opções de tamanho — além de uma variante de 65 polegadas, há ainda versões de 55 e 48 polegadas, com o último recebendo mais atenção por parte da companhia.

Mirando em gamers, as tecnologias vistas no modelo mais premium voltada para jogos também estão por aqui: há quatro portas HDMI 2.1, com suporte a reprodução em 4K a 120 Hz com HDR, opções Game Optimizer para ajustes finos de imagem em games e suporte a Nvidia G-Sync e AMD FreeSync Premium.

A linha conta com o Game Optimizer, que permite ajustes de imagem com foco nos games (Imagem: Reprodução/LG)

No mais, com exceção do modo galeria, os recursos da irmã mais robusta também são mantidos: webOS 6.0, suporte a Amazon Alexa, Google Assistente, Apple AirPlay 2 e HomeKit, além de Miracast. A outra única diferença fica para o sistema de som, que deixa de contar com a estrutura 4.2, com maior número de caixas de som, para entregar 2.2 canais.

OLED A1 é modelo mais acessível

Por fim, a LG OLED A1 é o modelo mais simples, voltado para quem não se importa com as especificações mais premium e quer uma imagem de qualidade com pretos profundos para assistir a filmes e séries. O modelo também traz boa parte das configurações encontradas nas séries G1 Evo e C1, mas corta os recursos mais premium para manter o preço baixo.

Opção de entrada, a OLED A1 corta alguns recursos para chegar ao mercado por preço mais acessível (Imagem: Reprodução/LG)

O chip α9 de 4º geração dá lugar ao α7 de 4º geração, enquanto o sistema de som 2.2 passa a contar apenas com 2.0 canais. Além disso, a taxa de atualização é limitada a 60 Hz, não havendo suporte à reprodução de conteúdo em 120 Hz, ainda que o Nvidia G-Sync tenha sido mantido. No mais, o restante dos recursos é praticamente idêntico ao dos modelos mais premium.

Preço e disponibilidade

Tanto a OLED G1 Evo quanto a C1 já estão disponíveis para compra no mercado brasileiro, com preços que partem dos R$ 22.999 e R$ 7.999, respectivamente. Apesar de já estar listada no site brasileiro da LG para chegar em breve, a OLED A1 não está à venda, e por enquanto ainda não possui previsão de disponibilidade ou preços no país.

Fonte: LG, RTINGS

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.