Publicidade

MiOS | substituto da MIUI da Xiaomi pode ter que mudar de nome

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 16 de Outubro de 2023 às 10h33

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Tudo sobre Xiaomi

O novo sistema operacional da Xiaomi, o MiOS, pode ter que mudar de nome antes mesmo de chegar ao mercado devido a uma suposta disputa por parentes. Isso porque o título, enquanto vem sendo ventilado por rumores e especialistas como o futuro substituto da interface MIUI, seria de posse de uma empresa especializada em dispositivos para casa inteligente.

A possibilidade apareceu em novos registros relacionados a patentes na China, no qual a Xiaomi registrou novos nomes para seu futuro sistema operacional. Seriam pelo menos quatro opções que podem indicar tanto o título da nova interface como outras aplicações e softwares em desenvolvimento pela companhia — Xiaomi Pengpai, Xiaomi Hyper e Xiaomi Surge, além da variação Redmi Hyper, que seria específica da linha de aparelhos de mesmo nome.

De acordo com as informações do site Fone Arena, todos seriam caminhos possíveis para uma mudança no nome da nova interface. A Xiaomi já possui URL registrada, também na China, em nome do suposto MiOS, mas a marca é de propriedade de uma empresa chamada Ezlo, especializada em dispositivos inteligentes — ela é usada, justamente, em uma plataforma de software para conexão entre os aparelhos em uma casa inteligente.

Continua após a publicidade

Seja em caso de processo ou simples confusão dos usuários, não é um risco que a Xiaomi parece disposta a correr, com a empresa já buscando alternativas para seguir em frente. Assim como não falou oficialmente sobre o lançamento do MiOS, entretanto, a marca também não comentou sobre a possibilidade de troca de nome, já que todo o tema ainda é mantido na fogueira dos rumores.

Novo sistema operacional da Xiaomi deve ser anunciado em breve

Um dos motivos para o silêncio teria a ver com um anúncio iminente. A expectativa é que o MiOS, ou uma de suas variações, seja anunciado em 27 de outubro durante o evento Snapdragon Summit. Na conferência da fabricante de processadores, deve vir à luz também a linha Xiaomi 14 de smartphones, a primeira a contar com a nova interface e possível substituta da MIUI, que é usada hoje.

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

No lugar de uma interface sobre o Android, a ideia seria avançar para um sistema operacional proprietário, que ainda seria baseado na mesma arquitetura para garantir compatibilidade de aplicativos. Saem as mudanças apenas visuais e entraria um desenvolvimento independente e focado no aparelho, visando a performance e o melhor uso possível dos componentes.

De acordo com os rumores, o MiOS seria usado não apenas nos smartphones da Xiaomi, mas também em tablets, relógios inteligentes e até veículos. O nome similar ao sistema operacional da Apple, ainda, carrega junto mais uma “coincidência”, já que a ideia seria criar um ecossistema integrado entre os dispositivos da marca, facilitando a conectividade e a troca de informações entre eles.

Fonte: FoneArena