Xiaomi Mi 11 Ultra recebe gravação de vídeo e mais funções na tela secundária

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 25 de Maio de 2021 às 07h00
Reprodução/Ice Universe

Lançado no final de março como novo concorrente para o Galaxy S21 Ultra, o Xiaomi Mi 11 Ultra surpreendeu pela construção robusta, especificações poderosas e enorme módulo de câmeras. Além de três sensores com configurações avançadas, incluindo lente com zoom híbrido de 120x, essa região conta com um display secundário, munido da mesma tela utilizada na Mi Band 5.

Apesar de alguns usos interessantes, como checagem da bateria e captura de selfies, esse segundo painel foi criticado por ser mais limitado do que o esperado, sendo impossível, por exemplo, realizar a gravação de vídeos. Essa situação parece estar prestes a mudar, com um novo update atualmente em fase de testes na China.

Update habilita gravação de vídeos e mais

De acordo com uma publicação na rede social chinesa Weibo, feita pelo perfil Queena_Xiaomi e republicada pelo leaker Abhishek Yadav, a Xiaomi está testando internamente um update que adiciona novas funções ao painel secundário do Mi 11 Ultra, tornando-o ainda mais útil. As principais novidades são a possibilidade de realizar gravações, vlogs, vídeos em timelapse e câmera lenta.

Há ainda mais alguns recursos bem-vindos, como modo retrato, capturas em modo noturno, capturas contínuas de tempo definido e mais. Aparentemente, também será possível reproduzir qualquer tipo de conteúdo no display. Ainda não se sabe quando a atualização será liberada para todos os usuários, mas o fato de que a nova versão de software já está em estágio Beta é um bom sinal.

Mi 11 Ultra tem processamento e câmeras de destaque

Aposta da Xiaomi no segmento de smartphones premium, o Mi 11 Ultra chegou equipado com chipset Snapdragon 888, até 12 GB de RAM e até 512 GB de armazenamento. Há ainda tela Super AMOLED de 6,81 polegadas Quad HD+ de 120 Hz, som estéreo otimizado pela Harman Kardon, câmera frontal de 20 MP e bateria de 5.000 mAh, com carregamento rápido de 67 W e recarga sem fio também de 67 W.

Além da tela AMOLED de 120 Hz e do conjunto de processamento, o Mi 11 Ultra se destaca pelas câmeras (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

As câmeras são seu maior destaque, contando com sensor principal Samsung ISOCELL GN2 de 50 MP, ultra wide de 48 MP e telefoto periscópio de 48 MP, com zoom óptico de 5x e híbrido de até 120x. O conjunto assumiu o topo do ranking de câmeras do site especializado DXOMARK, que destacou o ótimo equilíbrio entre detalhes e ruído, foco rápido, bom alcance dinâmico e mais.

Fonte: Abhishek Yadav

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.