Xiaomi deve estrear câmera frontal sob a tela em celular topo de linha em 2021

Por Diego Sousa | 02 de Setembro de 2020 às 21h20
Zana Latif/Unsplash
Tudo sobre

Xiaomi

Saiba tudo sobre Xiaomi

Ver mais

Apesar de a Xiaomi ter sido uma das primeiras fabricantes a apresentar um conceito de câmera sob a tela, no ano passado, o primeiro celular da marca embarcado com a tecnologia ainda deve demorar alguns meses para chegar ao mercado. No entanto, segundo informações do popular vazador Digital Chat Station, um novo smartphone de ponta da fabricante já estaria sendo fabricado com a novidade.

Não fica claro sobre qual linha o leaker se refere na publicação, mas, ao que tudo indica, uma delas seria equipada com a nova câmera sob a tela, enquanto a outra manteria um furo circular no display para o sensor de selfies.

Uma das linhas do ano que vem será equipada com câmera frontal sob a tela
(Imagem: Reprodução/Digital Chat Station)

Atualmente, a Xiaomi possui duas famílias de celulares premium: Mi Series e Mi MIX, esta última que geralmente traz inovações, principalmente, relacionadas ao display. Vale lembrar que a linha Mi MIX não recebe novidades no mercado desde 2018, já que o Mi Mix Alpha, anunciado em 2019, não chegou a ver a luz do dia, mas uma nova versão do aparelho vem sendo especulada nos últimos meses.

Ou seja, é bastante provável que o aparelho em questão seja um futuro Mi MIX 2021, que seria lançado com câmera frontal sob a tela e o ainda não anunciado Snapdragon 875 da Qualcomm. Já o Mi 11, próxima geração da principal linha da Xiaomi, deve permanecer com o furo na tela para o sensor de selfies.

Câmera sob a tela já é realidade

Câmera de selfie sob a tela vinha sendo aguardada desde 2019, quando Xiaomi e OPPO apresentaram suas soluções. No entanto, a primeira fabricante a lançar um celular com a tecnologia foi a ZTE, em agosto deste ano, com o Axon 20.

Segundo a empresa, a técnica empregada no smartphone não compromete a reprodução de imagens na tela, uma das principais preocupações quando foi exibida no ano passado — veja como a região da câmera fica imperceptível durante o uso:

No último dia 28, a Xiaomi confirmou que iniciará "oficialmente" a produção em massa de smartphones com a nova solução a partir do ano que vem. A empresa descreve a tecnologia como "terceira geração", embora nunca tenha lançado as duas primeiras versões do recurso.

Fonte: Digital Chat Sation (Weibo)  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.