Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Meizu deixa de fabricar smartphones para focar inteiramente em IA

Por| Editado por Wallace Moté | 19 de Fevereiro de 2024 às 15h50

Link copiado!

Meizu
Meizu
Tudo sobre Meizu

A Meizu anunciou nesta segunda-feira (19) que está oficialmente abandonando o mercado de smartphones, encerrando o desenvolvimento de futuros lançamentos. A marca destaca que seu modelo de negócio terá como foco, a partir de agora, a inteligência artificial (IA) — seja lá o que isso quer dizer, considerando que IA é um ramo bastante abrangente.

Adquirida pela montadora chinesa Geely — subsidiária da Volvo — em 2022 e com planos de lançar o Polestar Phone ainda este ano, a empresa divulgou que encerrou a fabricação de smartphones e cancelou o lançamento do Meizu M21 Pro e dos futuros Meizu M22 e M23.

Continua após a publicidade

Em comunicado, a companhia afirma que “encerrará novos projetos de smartphones tradicionais” e apostará na estratégia Tudo em IA (ou "All in AI", em inglês) para os próximos três anos.

A fabricante diz que desenvolverá dispositivos e um sistema operacional móvel personalizado que será aberto aos grandes modelos de linguagem (LLM), incluindo a OpenAI, "para promover conjuntamente a inovação e o desenvolvimento da IA."

IA pode reanimar mercado de telefonia móvel

Continua após a publicidade

Nos últimos anos temos visto o segmento de smartphones atingir um platô em relação às mudanças e vendas.

Consumidores estão comprando menos dispositivos móveis e ficando com seus celulares por mais tempo. Como consequência, as empresas que anseiam por vender cada vez mais e mais aparelhos estão sendo forçadas a reavaliar suas estratégias e buscar novas formas de atrair consumidores.

A aposta na inteligência artificial teria como objetivo oferecer recursos de software com a justificativa de que tais novidades em IA são associadas apenas ao processador mais recente do smartphone recém-lançado.

Continua após a publicidade

A linha Galaxy S24, por exemplo, quer inaugurar a era do "AI Phone" ao apostar em inteligência artificial para edição de fotos, tradução ao vivo e transcrição em notas de voz.

Em parceria com o Google, recursos como Circle to Search teriam a intensão de facilitar a pesquisa e amplicar as capacidades do buscador para além do texto.

Segundo a Oppo, uma das maiores fabricantes de smartphones do mundo, a era do "AI Phone" pode mudar significativamente o curso da indústria de smartphones nos próximos cinco anos.

E reforçando a mudança global, a Apple trabalha em recursos de IA para o iOS 18 e pode estrear processadores com mais núcleos dedicados à inteligência artificial generativa.

Continua após a publicidade

Com tudo isso, resta esperarmos para ver quais serão os próximos passos da Meizu nesta busca por um lugar de destaque no ramo de Inteligência Artificial.

Fonte: SCMP