Galaxy Z Fold 2 tem todos os detalhes revelados pela Samsung; saiba tudo

Galaxy Z Fold 2 tem todos os detalhes revelados pela Samsung; saiba tudo

Por Diego Sousa | 01 de Setembro de 2020 às 11h28
Divulgação/Samsung

Como prometido, a Samsung revelou mais detalhes sobre o Galaxy Z Fold 2 nesta terça-feira (1º). Anunciado no último dia 5, durante o segundo Unpacked 2020 do ano, o novo smartphone dobrável traz um novo sistema de dobradiça que promete reduzir a entrada de partículas externas no interior das peças, especificações técnicas potentes e uma série de recursos que aproveita a tela dobrável do aparelho.

Construção e design

O Galaxy Z Fold 2 possui a mesma identidade visual do Galaxy Note 20 e, em um primeiro momento, até parece uma versão dobrável do topo de linha da Samsung. As câmeras traseiras são organizadas verticalmente em um módulo gigante na parte traseira, enquanto há um furo no meio da tela externa para abrigar a câmera frontal.

Assim como o Galaxy Note 20, o novo dobrável da Samsung será comercializado na nova cor bronze, mas também estará disponível na cor preta. Além disso, será possível alterar a cor da dobradiça com até cinco opções à disposição: azul, prata, vermelho e amarelo.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Galaxy Z Fold 2 tem design semelhante ao do Note 20 (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy Z Fold 2 traz 27% menos bordas quando comparado com Galaxy Fold, garantindo uma experiência de tela infinita ao dispositivo. Essa característica, inclusive, foi uma das principais críticas ao primeiro Galaxy Fold.

Novo sistema de dobradiça

Introduzido no Galaxy Z Flip, o mecanismo CAM duplo responsável por permitir que a tela do smartphone se dobre também foi adotado pelo Galaxy Z Fold 2, mas, devido ao tamanho maior do aparelho mais novo, ele conta oito peças para conseguir estabilizar o celular em ângulos diferentes.

Segundo a Samsung, esse novo sistema de dobradiça permite que o aparelho fique aberto sozinho em 75º e 115º. Além disso, houve melhorias na retenção de força do mecanismo, o que promete evitar que o smartphone se feche acidentalmente.

Galaxy Z Fold 2 no modo Flex, introduzido no Galaxy Z Flip (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy Z Fold 2 também é equipado com a Sweeper Tecnology, uma espécie de tecido de fibras de nylon que, segundo a Samsung, evitar que poeira e outras partículas externas danifiquem o mecanismo de dobra do smartphone.

Tela

Além da adoção do mecanismo CAM, outra solução introduzida no Galaxy Z Flip e presente no Galaxy Z Fold 2 é o vidro ultrafino (UTG, na sigla em inglês), injetada na tela com um material especial até uma certa profundidade para aumentar a flexibilidade e a durabilidade. Apesar da cobertura em vidro, ainda há uma grande camada adicional de plástico na parte de cima e duas abaixo do painel, responsáveis por fazer a tela dobrável funcionar.

Vale lembrar que o vidro ultrafino ocupa toda a tela interna, que possui 7,6 polegadas com resolução QXGA+ (2.208 x 1.768 pixels) e painel Dynamic AMOLED 2X. A principal novidade em relação ao primeiro Galaxy Fold, aqui, é a frequência de atualização da tela, que saltou de 60 Hz para 120 Hz.

Tela do Galaxy Z Fold 2 tem 120 Hz de frequência de atualização (Foto: Divulgação/Samsung)

Assim como a linha Galaxy Note 20, o Z Fold 2 utiliza um algoritmo de inteligência artificial que identifica conteúdos e adapta a taxa de atualização conforme e exibição. Na prática, a expectativa é que essa variação automática diminua o consumo de bateria do smartphone em tarefas mais simples.

Já a tela externa tem 6,2 polegadas com resolução HD+ (2.260 x 816 pixels) e painel Super AMOLED. Por aqui, porém, a taxa de atualização permanece sendo de apenas 60 Hz.

Especificações técnicas

Por dentro, o Galaxy Z Fold 2 é equipado com um chipset de oito núcleos fabricado no processo de 7 nanômetros (nm). Apesar de não especificar o modelo, a Samsung afirma que há suporte garantido para as redes 5G (sub-6GHz e mmWave), sugerindo que pode ser tanto o Snapdragon 865 quanto o Exynos 990.

Independentemente do chip escolhido, há 12 GB de memória RAM LPDDR5 e 256 GB de armazenamento interno no padrão UFS 3.1. O Galaxy Z Fold 2 também suporta dois chips, Bluetooth 5.0 e a tecnologia Ultra Wide Band (UWB), que permite transferir arquivos entre dispositivos apenas apontando para o aparelho que receberá o conteúdo.

Quando o assunto é autonomia de bateria, o Fold 2 traz 4.500 mAh divididos em duas células, com suporte ao carregamento rápido (sem potência informada) e carregamento reverso, sendo capaz de recarregar outros aparelhos compatíveis.

Câmeras

Em relação às câmeras, o Galaxy Z Fold 2 tem três na traseira de 12 MP cada, mas com lentes grande-angular, ultra grande-angular e telefoto. Já as duas câmeras frontais possuem 10 MP e estão disponíveis em cada uma das telas.

Segundo a Samsung, apesar da mesma resolução, o Galaxy Z Fold 2 é equipado com um sensor 1,65x maior que o presente na primeira geração, permitindo que mais luz entre e, consequentemente, produzindo imagens com mais qualidade mesmo em ambientes escuros.

Alguns recursos do Galaxy Note 20 também estão disponíveis no smartphone, como a possibilidade de ajustar manualmente diversos aspectos de fotografia, como ISO, exposição e foco durante a gravação e escolher a fonte principal de áudio durante os vídeos mesmo que ela esteja longe do aparelho.

Os usuários poderão tirar proveito do sistema de dobradiças do aparelho para tirar fotos e gravar vídeos sem a ajuda de um tripé para estabilizar, por exemplo. Além disso, a função Dual Preview permite usar tanto a tela interna quanto a externa para visualizar e registrar selfies de alta resolução.

Software e recursos

O Galaxy Z Fold 2 será comercializado com o sistema operacional Android 10 com garantia de atualização por, pelo menos, mais três anos. Assim como o primeiro Fold, o novo aparelho traz uma interface personalizada para telas dobráveis e possui alguns recursos bastante interessantes que tiram proveito dessa característica. Confira abaixo os principais deles:

  • Multi-Active Window: permite que múltiplos aplicativos sejam executados ao mesmo tempo. A interface reorganiza os conteúdos na tela de modo que todos possam ser usados sem precisar sair de nenhum;
  • Multi-Window Tray: permite criar combinações pré-selecionadas de aplicativos para serem rodados ao mesmo tempo. Ao clicar em uma combinação, os três aplicativos se abrem automaticamente;
  • Segurar e soltar: permite selecionar um arquivo em determinado aplicativo e o envie a outro aplicativo apenas o arrastando pela tela. É possível transferir texto, imagens e documentos instantaneamente;
  • Captura de tela dividida: fornece os screenshots automaticamente nos aplicativos abertos;
  • Troca de layout: permite trocar o visual da interface e aumentar ou diminuir o zoom da fonte.
O Galaxy Z Fold 2 herda algumas características do irmão Z Flip (Foto: Divulgação/Samsung)

Preço e disponibilidade

A pré-venda do Galaxy Z Fold 2 tem início já nesta terça-feira (1º) por US$ 2 mil, o equivalente a quase R$ 11 mil em conversão direta para a nossa moeda. As vendas oficiais do aparelho estão previstas para começarem no dia 18 de setembro em mais de 40 países.

Infelizmente, ainda não temos informações oficiais sobre o preço no Brasil, mas, caso a Samsung decida fabricar o Galaxy Z Fold 2 por aqui, como vem sendo especulado, podemos esperar um preço menos assustador do que o modelo da primeira geração, que chegou aqui por R$ 13 mil.

Galaxy Z Fold 2: ficha técnica

  • Tela: externa: 6,2 polegadas, HD+, Super AMOLED, 60 Hz
    interna: 7,6 polegadas, QXGA+ Dynamic AMOLED 2X, 120 Hz;
  • Chipset: Snapdragon 865 ou Exynos 990;
  • Memória RAM: 12 GB LPDDR5;
  • Armazenamento interno: 256 GB UFS 3.1
  • Câmera traseira: 12 MP (principal) + 12 (ultra grande-angular) + 12 MP (telefoto);
  • Câmera frontal: 10 MP (tela externa) + 10 MP (tela interna);
  • Dimensões: dobrado: 159,2 x 68 x 16,8-13,8 mm
    desdobrado: 159,2 x 128,2 x 6,9-6 mm;
  • Peso: 282 gramas;
  • Bateria: 4.500 mAh;
  • Extras: leitor de digitais na lateral, carregamento rápido, carregamento reverso, 5G, UWB, Bluetooth 5.0;
  • Cores disponíveis: preto e bronze;
  • Sistema operacional: Android 10 com interface One UI personalizada.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.