Twitter pode estar perto de liberar criação de perfis profissionais

Twitter pode estar perto de liberar criação de perfis profissionais

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 14 de Julho de 2021 às 13h29
Brett Jordan/Pexels

Meses atrás, o Twitter anunciou que profissionais que utilizam a rede social para alcançar seus consumidores logo teriam um perfil mais robusto e informativo e, finalmente, essa função parece estar mais próxima de ser lançada para o público geral. O recorrente informante Alessandro Paluzzi descobriu que parte do processo para adotar o “Twitter para Profissionais” está pronto e mostrou quem poderia adotar o novo tipo de conta no futuro.

A transição para ter um perfil profissional no Twitter seria tão simples quando no Instagram e no TikTok. Dentro da rede social, você encontraria o recurso no menu “Mais” (no PC, posicionado na coluna à esquerda; no app, no menu hambúrguer no canto superior esquerdo).

A mudança para perfis comerciais seria tão simples quanto trancar o perfil no Twitter (Imagem: Reprodução/Alessandro Paluzzi)

De lá, o dono do perfil deve escolher qual o propósito do seu negócio. A variedade de categorias presente na descoberta de Paluzzi é bem grande: utilizadores poderiam escolher opções como entretenimento, aviação, educação, cosméticos e cuidados pessoais e até clubes noturnos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Depois disso, o perfil deve ter a abordagem definida. A seção “tipo de conta” pediria que o usuário escolhesse entre uma conta “comercial” (indicada para lojas, marcas, organizações e prestadores de serviços) ou “criador” (melhor para influenciadores digitais, figuras públicas e artistas).

As categorias e tipos de conta abrem espaço para uma enorme variedade de profissionais, mas mais segmentos podem estar a caminho (Imagem: Reprodução/Alessandro Paluzzi)

As categorias e os tipos de conta podem ser alterados a qualquer momento, ao que indica uma das capturas de Paluzzi. Não está claro qual será o impacto da escolha para além de ampliar o alcance das publicações de forma direcionada, ou se haverá alguma medida de segurança para evitar alterações frequentes ou meios para identificar comportamento suspeito de um usuário.

De acordo com o anúncio anterior, os perfis profissionais do Twitter seriam uma maneira de formalizar a atualização de empresas e artistas na rede social, diferenciando-os dos demais usuários. Hoje, o selo de verificação quase que funciona dessa maneira, dando garantias de que o perfil se trata de uma empresa ou celebridade de fato.

A novidade, no entanto, permitiria que mais pessoas e negócios tenham acesso ao status de profissional — mesmo sem o selinho azul. Segundo o Twitter, assim que habilitado, o perfil exibiria informações importantes na tela inicial do perfil, como endereço, botão para “obter direção” no mapa e seção para contatos.

Twitter mais interessante para criadores

Abrigar criadores no leque de perfis profissionais é uma das formas de mostrar o comprometimento com criadores de conteúdo. A adição da conta comercial mais robusta, somada ao Super Follow e a ferramenta de gorjeta permitem que o artista aproveite a plataforma para monetizar sua influência.

A conta comercial formaliza a autoridade, o selo de verificação (que também agrega influenciadores) autentica o perfil e as ferramentas de monetização abrem caminho para fazer dinheiro a partir da plataforma. É um conjunto quase completo de ferramentas para olhar o Twitter como um lugar para crescer e gerar mais conteúdo, bem como o Instagram e TikTok fazem, mas voltados para vídeos e fotos.

Por enquanto, o perfil profissional do Twitter está em testes com perfis selecionados dos Estados Unidos e não há previsão para o seu lançamento oficial.

Fonte: Alessandro Paluzzi

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.