Publicidade

Motoqueiro Fantasma vai celebrar 50 anos em 2022 com o evento Ano da Vingança

Por| Editado por Claudio Yuge | 25 de Outubro de 2021 às 22h40

Link copiado!

Divulgação/ Marvel Comics
Divulgação/ Marvel Comics

Com o fim de 2021 se aproximando cada vez mais, as editoras de quadrinhos estão começando a divulgar alguns de seus planos para o próximo ano. No caso da Marvel Comics, 2022 será infernal, com a comemoração dos 50 anos do Motoqueiro Fantasma, no que a Casa das Ideias está chamando de "Ano da Vingança".

O Motoqueiro Fantasma foi criado por Gary Friedrich e Mike Ploog, e teve sua primeira aparição em 1972 na revista Marvel Spotlight #5. Originalmente Johnny Blaze, com o passar dos anos a Marvel foi criando toda uma mitologia para o personagem, que agora conta com incontáveis versões que tem seus poderes sempre derivados de possessões pelo chamado Espirito da Vingança, sejam por pactos diabólicos com o Mefisto, o senhor do inferno da editora, ou outros tipos de situações, na grande maioria das vezes, sombrias. 

O personagem sempre teve uma certa popularidade na Marvel, mesmo que não no mesmo nível de bastiões como os X-Men, Homem-Aranha ou, desde a década passada, os Vingadores, e sempre foi parte integrante da parte mágica da editora, se aventurando com personagens como o Dr. Estranho para lutar contra inimigos com raízes em fantasias clássicas ou, muitas vezes, horrores cósmicos, quase lovecraftianos. 

Continua após a publicidade

Nos últimos anos, a mitologia do Motoqueiro Fantasma tem recebido destaques nas HQs da Marvel. Desde 2018, o Motorista Fantasma, Roberto "Robbie" Reyes, que em vez de uma moto dirige um carro, faz parte dos Vingadores, junto de ícones como Capitão América e Pantera Negra.

Outra encarnação recente é Kushala, uma mulher Apache que viveu no século XIX e foi a maga suprema de sua era, cargo ocupado pelo Doutor Estranho nas histórias atuais. Além disso, em 2019, a Marvel voltou a publicar histórias protagonizadas por Alejandra Jones, uma Motoqueira Fantasma criada em 2011, treinada desde sua infância para ser uma portadora do Espírito da Vingança. 

Até o momento, a Marvel só divulgou uma imagem teaser sobre 2022, onde uma série de detentores do título de Motoqueiro Fantasma estão juntos. Mais detalhes sobre a comemoração dos 50 anos do personagem serão divulgados no futuro. 

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Motoqueiro Multimídia

Ao passo que os 50 anos do Motoqueiro Fantasma serão comemorados ano que vem, é possível que ele também faça sua estreia oficial no Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês). O Espirito da Vingança estava cotado para ter uma série no Hulu, assim como Hit Monkey e M.O.D.O.K., mas esse plano foi deixado de lado após Kevin Feige, presidente do Marvel Studios, ter alegado interesse em usar o motoqueiro no universo dos filmes. 

Independente de como for a estreia do Motoqueiro Fantasma no MCU, não será a primeira vez que sua caveira flamejante será retratada em live-action. No fim dos anos 2000, dois filmes onde Nicolas Cage interpretou Johnny Blaze chegaram aos cinemas. Ambos foram considerados fracos pela crítica, mas renderam momentos interessantes para o público, como a famosa cena do anti-herói urinando chamas. 

Continua após a publicidade

Nos anos 2010, o personagem “estreou” em algo bem próximo do MCU, na série Agentes da SHIELD. Interpretado por Gabriel Luna, Roberto "Robbie" Reyes, o Motorista Fantasma, fez parte da narrativa da quarta temporada do seriado. Era essa versão que protagonizaria a série do Hulu, cancelada. 

Considerando que personagens como Blade e o Cavaleiro da Lua têm produções próprias já anunciadas, e os eventos ocorridos na série WandaVision, estão abrindo cada vez mais as portas do lado místico da Marvel para o MCU, parece não ter melhor momento para a inclusão do espírito da Vingança na franquia. Só basta esperar para ver quantas teorias do Mefisto teremos antes da introdução real do anti-herói. 

Fonte: GamesRadar