Escolha do analista | Qual é o melhor celular da Xiaomi?

Escolha do analista | Qual é o melhor celular da Xiaomi?

Por Jucyber | Editado por Léo Müller | 29 de Dezembro de 2021 às 09h00
Eric Mockaitis/Canaltech

Ao longo de 2021, a equipe de analistas do Canaltech teve o privilégio de testar dezenas de celulares. Com isso, sempre demonstramos quais são os modelos que fazem — ou não — sentido para o público ao qual são voltados, sempre focando em mostrar o que é melhor para o seu gosto e bolso.

Dentro de diversas faixas de preço, a Xiaomi sempre teve um local de destaque. Seja pela quantidade de aparelhos anunciados, ou por conseguir o equilíbrio entre conjunto geral e preço coerente, a fabricante chinesa alcançou um patamar de estabilidade muito interessante após 11 anos de atividade.

E prova disso está no fato de a marca ter conquistado um lugar fixo no ranking seleto de empresas mais populares do mercado mobile. Além disso, ao longo dos últimos 12 meses, vimos a empresa apostando mais em qualidade fotográfica para bater de frente com as principais concorrentes: Samsung e Apple, com seus smartphones Galaxy S21 Ultra e iPhone 13 Pro, respectivamente.

Dito tudo isso, qual é — na minha opinião — o melhor celular da Xiaomi em 2021? Considerando diversos fatores, a minha escolha é o Xiaomi Mi 11. O aparelho topo de linha conseguiu se destacar positivamente em diversos quesitos nos quais a gigante chinesa amargou anos de críticas.

Ao longo do texto, eu vou dar mais detalhes que justificam a minha escolha e, é claro, você pode dar a sua opinião sobre o meu flagship da Xiaomi favorito nas redes sociais do Canaltech.

Confira o preço atual do Xiaomi Mi 11

Conectividade com foco no futuro

Assim como grande parte dos topos de linha lançados em 2021, o Xiaomi Mi 11 está focado em ser usado a longo prazo. Isso porque a empresa implementou no aparelho a conectividade 5G.

A presença dessa nova tecnologia — que já passou pelo processo de leilão aqui no Brasil e deve chegar em 2022 — demonstra que a marca lapidou o aparelho para o futuro. Entretanto, enquanto a conexão esperada não é distribuída oficialmente, dá para aproveitar o “5G DSS”.

Esse formato de funcionamento alternativo permite o compartilhamento das frequências 4G LTE com os usuários de 5G para otimizar a experiência de uso dessa conectividade.

Visual simples e coerente

Um grande destaque do Xiaomi Mi 11 é o design. Não é novidade que a gigante chinesa tem investido positivamente em materiais resistentes para a construção dos seus topos de linha.

E prova disso está no fato de o smartphone ter a traseira em vidro Gorilla Glass 5, laterais em alumínio e tela em Gorilla Glass Victus para dar ainda mais resistência a quedas e arranhões, já que a troca do display pode gerar um gasto adicional exorbitante.

A traseira do Mi 11 é em vidro Gorilla Glass 5 (Imagem: Ivo/Canaltech)

O corpo meio curvo também traz vantagem no uso, já que esse formato o deixa mais confortável na mão. Outra característica relacionada ao design do Mi 11 e que demonstra o quanto esse celular tem aspectos diferenciados é a tela.

O display tem 6,81 polegadas em resolução Quad HD+, taxa de atualização de 120 Hz e painel AMOLED. Esse visor traz diversas tecnologias embarcadas, e tem o suporte a um bilhão de cores com o brilho máximo de 1.500 nits.

Para a visibilidade de conteúdo, essa tela possui diversos pontos positivos por conseguir entregar cores excelentes para a reprodução de imagens, e a iluminação intensa ajuda a dar uma ótima definição.

Desempenho premium

Por se tratar de um topo de linha, é óbvio que o Xiaomi Mi 11 disponibiliza as melhores configurações de desempenho do mercado. Ele é equipado com a plataforma Snapdragon 888, sendo o primeiro flagship do mundo a ser lançado com esse chipset.

Além disso, o aparelho também tem opções de até 12 GB de memória RAM, e 256 GB de armazenamento interno. O fato de trazer tantas especificações robustas se reflete diretamente nos avanços relacionados com a usabilidade.

O Xiaomi Mi 11 vem com o Snapdragon 888 (Imagem: Ivo/Canaltech)

Os jogos rodarão sem travamentos, mesmo os títulos mais pesados e que exigem mais da qualidade gráfica. Porém, é importante ficar atento no momento da jogatina, porque acontece um pouco de aquecimento na área em que está localizada a CPU do celular, que é próximo do módulo de câmeras.

Mesmo que essa temperatura mais alta não afete a jogabilidade, pode ser que influencie na autonomia. O aparelho consegue segurar um pouco mais de 7 horas com a tela ativa, e isso demonstra que a durabilidade da bateria fará com que uma carga diária seja realizada.

Fotografias em outro patamar

O Xiaomi Mi 11 foi considerado por algum tempo como um dos melhores celulares no ranking do DxOMark, e no uso prático dá para entender o porquê. O aparelho traz um conjunto com quatro câmeras no total, sendo três na traseira e uma para selfies.

Todos os sensores conseguem atender às expectativas, com um destaque positivo para o principal de 108 MP. A câmera consegue dar uma boa nitidez e brilho para as imagens, além de ser eficaz em condições desfavoráveis, como ambientes com pouca luz.

Câmera principal do Xiaomi Mi 11 (Imagem: Ivo/Canaltech)

Até mesmo o modo retrato, que é feito via software, é capaz de entregar resultados surpreendentes. O recurso não apresenta falhas no contorno de objetos e pessoas, e isso demonstra a evolução fotográfica da Xiaomi nesse aparelho.

Em filmagens, essa superioridade do topo de linha se mantém, pois o Xiaomi Mi 11 demonstra ótima estabilidade, e oferece gravações em até 8K a 30 fps, mesmo que nem todos façam uso de tanta resolução em suas capturas.

O Xiaomi Mi 11 poderia ser melhor se...

Mesmo com todos os pontos positivos que fazem o aparelho ser uma ótima opção de topo de linha, o Mi 11 tem alguns elementos que poderiam ser melhor ajustados ou implementados pela marca.

Entre as alterações possíveis, a remoção do excesso de volume nas câmeras traseiras ajudaria a deixar o flagship ainda mais fino. O módulo saltado atrapalha um pouco a experiência de uso para quem dispensa o uso de uma capinha.

Módulo das câmeras traseiras do Xiaomi Mi 11 (Imagem: Ivo/Canaltech)

Outro ponto que faz dele o melhor celular da Xiaomi, mas não perfeito, é a falta da certificação IP68 que o tornaria resistente à água.

A falta dessa opção em um mercado em que grande parte dos concorrentes já trazem essa proteção adicional foi uma falha inesperada da chinesa.

Menção honrosa

Xiaomi Mi 11 Ultra

Apesar de não ter passado pelas mãos dos analistas do Canaltech, o Xiaomi Mi 11 Ultra merece uma menção honrosa neste texto. Ele demonstra que a gigante chinesa é capaz de inovar sem deixar de lado o “básico bem feito”.

Prova disso está no fato desse topo de linha da empresa ter liderado o ranking fotográfico do DxOMark por alguns meses em 2021. Esse resultado foi alcançado pelo sensor de 50 MP presente no aparelho, que se mostrou competente em diferentes condições de luz.

Xiaomi Mi 11 Ultra (Reprodução/Ice Universe)

Além disso, esse foi um dos modelos mais inovadores do ano com a mini tela AMOLED de 1,1 polegadas que permite o preview para fotos e filmagens.

Apesar de ser dispensável para grande parte do público, esse recurso no produto se mostra bem adaptado ao uso de criadores de conteúdo.

Já no display principal, temos o mesmo conjunto de especificações presente no Mi 11, pois a tela tem resolução Quad HD+ e o brilho pode alcançar picos de 1.700 nits, e isso é mais do que suficiente para demonstrar o quão bom é o visor.

Veja onde comprar o Xiaomi Mi 11

E aí, a minha escolha faz sentido para você? Deixe a sua opinião nas nossas redes sociais! E é claro, comente qual celular da Xiaomi você acha que foi o melhor de 2021. Estamos de olho para saber a sua resposta.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Mi 11

  • Smartphone xiaomi mi 11 5G tela 6,81 8GB/256GB
    Submarino
    Smartphone xiaomi mi 11 5G tela 6,81 8GB/256GB
    R$ 9.699,99
  • Smartphone xiaomi mi 11 5G tela 6,81 8GB/256GB
    Americanas
    Smartphone xiaomi mi 11 5G tela 6,81 8GB/256GB
    R$ 9.999,99
  • Smartphone xiaomi mi 11 5G tela 6,81 8GB/256GB
    Shoptime
    Smartphone xiaomi mi 11 5G tela 6,81 8GB/256GB
    R$ 9.999,99