Apple segue liderando a Fortune 500; China é maioria na lista

Por Rafael Arbulu | 22 de Julho de 2019 às 14h02
Getty Images
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

A revista Fortune elencou mais uma edição de sua renomada lista Fortune 500, ranqueando as 500 maiores empresas do mundo em diversos setores. A Apple, para o setor tecnológico, segue novamente na liderança do levantamento, se colocando à frente de companhias como Samsung e Alphabet, o conglomerado que é dono da Google.

A surpresa da lista deste ano, porém, ficou para o mercado chinês: pela primeira vez na história da Fortune 500, o volume de empresas chinesas superou o de companhias americanas que compõem a lista, com destaque especial para Huawei e Xiaomi, no setor tecnológico asiático. Ao todo, foram 129 empresas chinesas, contra 121 americanas.

A Xiaomi, aliás, se junta à lista pela primeira vez, ficando lá embaixo no placar geral, na posição de número 468.

A chinesa Xiaomi, que aparece pela primeira vez na lista da Fortune 500, abriu loja própria recentemente no Brasil

Outra surpresa interessante: embora a presença de grandes grupos como Sony, Microsoft e Google sejam algo esperado na lista divulgada anualmente, uma ausência foi notável — o BBK Electronics, grupo que é dono de marcas como OPPO, Vivo e OnePlus — não apareceu no ranking.

Outros nomes de interesse que são dignos de serem ressaltados incluem Hon Hai (popularmente, Foxconn), AT&T, a rede varejista JD.com, fabricantes de chips SK Hynix, TSMC e Micron, além da Wistron, fabricante de smartphones.

Fonte: Fortune 500

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.