Dr. Dre também deve assumir cargo na Apple após compra da Beats

Por Redação | 12.05.2014 às 10:35

Um rapper se tornando um executivo da Apple? Esse parece ser exatamente o destino de Dr. Dre, cofundador da Beats Electronics, a mais nova companhia a ser adquirida pela Maçã. O negócio, no valor de US$ 3,2 bilhões, ainda não foi anunciado oficialmente, mas já é dado como certo.

Na última sexta-feira (9), informações extra-oficiais davam conta que Iovine, o produtor musical que é um dos diretores da Beats Electronics e fundou a empresa com Dre, estaria prestes a assumir um cargo de consultoria criativa na Apple. Lá, ele trabalharia diretamente com o CEO da empresa, Tim Cook, no desenvolvimento de novos produtos. A mesma função, segundo o The Wall Street Journal, seria assumida por Dr. Dre.

A ideia seria maior ainda do que a simples ajuda em equipamentos inovadores e de qualidade. A presença dos nomes dedicados ao mundo da música também auxiliaria a Apple a fechar acordos e obter avanços nesse mercado, principalmente no que diz respeito ao apelo a um público mais jovem e a instalação de um serviço próprio de streaming de músicas, uma ideia que parece estar sendo desenvolvida pela Apple mas ainda não foi anunciada.

Iovine, inclusive, deixaria sua alta posição na Interscope Record, gravadora que também foi fundada por ele, para trabalhar durante todo o tempo para a Apple. Mas, como nem mesmo a aquisição da Beats foi anunciada oficialmente, também não se sabe exatamente que tipo de trabalho o produtor e seu parceiro assumirão na empresa de Cupertino. Apesar disso, tudo indica que a negociação será anunciada oficialmente ainda nesta semana.