FaceTime ganha novidades e vira concorrente de peso para Zoom e Google Meet

FaceTime ganha novidades e vira concorrente de peso para Zoom e Google Meet

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 07 de Junho de 2021 às 14h43
Apple

Na abertura da WWDC 2021, nesta segunda-feira (7), a Apple apresentou grandes novidades para o FaceTime, o app de videochamadas do ecossistema Apple. Aproveitando o máximo que a integração com os produtos da companhia pode oferecer e, de certa forma, com pitadas que remetem ao Google Meet.

O FaceTime assume um papel importantíssimo na comunicação entre usuários de iGadgets, por isso a Apple o colocou em posição de destaque. A plataforma será ainda mais presente nos vários produtos da companhia, inclusive com portas abertas para que desenvolvedores incrementem a experiência com apps próprios.

Share Play criará experiências conjuntas pelo FaceTime com serviços da Apple e parceiras (Imagem: Reprodução/Apple)

Conversas mais naturais

O Spatial Audio, ou “áudio espacial” em tradução livre, é uma das novidades do FaceTime. Ele dará mais naturalidade para as conversas com áudios direcionais, como se as pessoas daquele bate-papo estivessem na mesma sala — afinal, conversas no mundo real não são feitas em um único canal, não é?

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Áudio espacial tornará videochamadas mais naturais (Imagem: Reprodução/Apple)

Outro grande destaque da ferramenta, este já familiar para usuários de Meet e Zoom, é o Grid View. O FaceTime permitirá que usuários visualizem o rosto dos contatos em uma grade, de forma semelhante ao serviço da Gigante das Pesquisas. Quando habilitado, o usuário que está falando será colocado em destaque com maior espaço na tela para que os olhos se voltem para ele.

Ainda nesse sentido está o Modo Retrato, que leva o recurso conhecido da câmera para as chamadas ao vivo. O usuário poderá borrar o fundo da tela para destacar no próprio rosto e corpo — algo que os rivias do FaceTime também fazem há algum tempo.

FaceTime Links

O FaceTime também será mais inteligente para marcar reuniões. Usuários poderão criar links para uma mesma sala no FaceTime para um encontro posterior e até incluir o compromisso na agenda, com URL anexada ao evento para acessá-lo rapidamente pelo lembrete. A novidade funciona também com dispositivos Android e Windows acessados via web.

Share Play

Outra novidade é o Share Play, capaz de derrubar parte da distância entre os usuários especialmente nesse período de distanciamento social com programas em conjunto. Com a ferramenta, será possível compartilhar a tela, assistir a filmes e ouvir músicas junto com os colegas da chamada, bem no estilo Watch Party do Facebook.

Modo Picture-in-picture permitirá assistir o conteúdo e o colega na videochamada enquanto navega pelo celular (Imagem: Reprodução/Apple)

O Share Play funciona no modo Picture-in-picture para que seja uma experiência natural. Ademais, o usuário pode aproveitar a Apple TV, por exemplo, para levar o conteúdo para a tela maior, enquanto mantém o papo no celular. Nesse sentido, algumas plataformas de streaming já despontam com suporte, incluindo Disney+, HBO Max, Twitch e TikTok.

Entretanto, essas não serão as únicas ferramentas. A Apple disponibilizará também o Share Play API, para que desenvolvedores preparem seus próprios aplicativos para a ferramenta e criem mais experiências conjuntas.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.