Nvidia lança GeForce RTX 3090 Ti como GPU mais poderosa da linha

Nvidia lança GeForce RTX 3090 Ti como GPU mais poderosa da linha

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 29 de Março de 2022 às 16h00
Reprodução/Nvidia

A Nvidia lançou oficialmente nesta terça-feira (29) a GeForce RTX 3090 Ti, nova placa de vídeo gamer da marca voltada para entusiastas. Revelado durante a CES 2022, o modelo assume o posto de GPU mais poderosa da família RTX 3000, embarcando mais núcleos e memórias GDDR6X de maior velocidade em troca de um aumento significativo no consumo, ponto que impactou a placa em diversos aspectos.

Nvidia lança GeForce RTX 3090 Ti

A nova solução gamer da Nvidia se destaca pela presença da GPU GA102 completa, trazendo 10.752 núcleos CUDA, 336 Tensor Cores para DLSS e outros recursos de Inteligência Artificial, e 84 RT Cores para Ray Tracing. Em sua configuração base, desconsiderando modelos customizados e com overclock, a novidade entrega clock base de 1.560 MHz e boost de 1.860 MHz, atingindo os 40 TFLOPs de poder computacional, contra 36 TFLOPs da RTX 3090 padrão.

Com chip GA102 completo e 24 GB de VRAM GDDR6X aa 21 Gbps, a GeForce RTX 3090 Ti é a mais nova campeã de desempenho da Nvidia (Imagem: Reprodução/Nvidia)

A memória de 24 GB GDDR6X foi mantida, mas agora utiliza chips de 2 GB, ocupando apenas a parte superior do PCB, com velocidade de 21 Gbps. Operando em uma interface de 384-bit, a novidade atinge os 1.008 GB/s de largura de banda. Como resultado das mudanças, o consumo subiu significativamente, atingindo os 450 W, um ganho de 100 W.

Esse aumento levou a RTX 3090 Ti a ser a primeira placa de vídeo a chegar ao mercado equipada com o novo conector de energia PCIe 5.0 de 16 pinos, oficializado pela Intel na semana passada, com capacidade de fornecer até 600 W de energia. Alguns modelos customizados podem ir além e contar com dois conectores que, em teoria, poderiam fornecer até 1.200 W. Um adaptador para uso de três conectores de 8 pinos será fornecido com as placas.

Até 10% mais desempenho e cooler de 3,5 slots

Os reviews foram lançados junto à placa e confirmam o que os rumores indicavam — apesar dos números monstruosos das especificações, especialmente em núcleos, largura de banda e consumo, a RTX 3090 Ti não entrega um salto significativo de desempenho em comparação à RTX 3090 tradicional. A novidade parece entregar entre 5% e 10% mais desempenho, especialmente em games que tiram melhor proveito do chip maior e das memórias mais rápidas.

Juntando o preço bastante elevado, os reviews apontam que a novidade é difícil de recomendar, sendo apenas uma opção para quem quer "o melhor do melhor", como a própria Nvidia sugere nos materiais de divulgação. Outro ponto que impressiona é o sistema de resfriamento adotado pelas fabricantes parceiras, que chega a impressionantes 3,5 slots de espessura. Muitos modelos também optaram por implementar refrigeração líquida, algo não muito comum até então.

Entre os que mais se destacam estão os modelos da EVGA: além de estarem entre as variantes equipadas com dois conectores de 16 pinos, as versões com refrigeração a ar contam com um acessório para apoiar a placa no gabinete. A ideia é evitar que o peso da estrutura de resfriamento force a GPU para baixo e danifique o conector PCIe.

Apesar de não parecer importante, considerando a categoria da placa, o sistema de resfriamento dos modelos pode ser um indicativo do que podemos esperar para a próxima geração de GPUs tanto da Nvidia, como da AMD — leakers que acertaram as informações sobre a RTX 3090 Ti já sugerem que as novas soluções gráficas de ambas as marcas, esperadas para estrear no fim do ano, podem ultrapassar os 500 W de consumo.

Preço e disponibilidade

A Nvidia GeForce RTX 3090 Ti já começou a ser vendida no mercado internacional, em modelos Founder's Edition e customizados, trazendo preço sugerido que parte de US$ 1.999 (~R$ 9.500). Até o momento, não há detalhes sobre a estreia da GPU no Brasil.

A existência de um preço sugerido chama a atenção, considerando que os últimos lançamentos da marca não traziam um valor mínimo de venda, e complementa os rumores de que preços e disponibilidade de placas de vídeo devem começar a melhorar nas próximas semanas.

Nvidia GeForce RTX 3090 Ti: ficha técnica

  • GPU: GA102
  • Streaming Multiprocessors (SMs): 84
  • CUDA Cores (Núcleos): 10.752
  • Tensor Cores (IA): 336
  • RT Cores (Ray Tracing): 84
  • Frequências: 1.560 MHz (Base), 1.860 MHz (Boost)
  • Poder computacional (FP32): até 40 TFLOPs
  • Memória VRAM: 24 GB GDDR6X
  • Interface da memória: 384-bit
  • Velocidade da memória: 21 Gbps
  • Largura de banda: 1.008 GB/s
  • Consumo: 450 W

Fonte: Nvidia, WCCFTech, Tom's Hardware

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.