Intel aumenta família Tiger Lake H35 com novos Core i5 11320H e i7 11390H

Intel aumenta família Tiger Lake H35 com novos Core i5 11320H e i7 11390H

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 22 de Junho de 2021 às 10h50
Divulgação/Intel

Durante conferência na CES 2021, a Intel revelou a família de processadores Tiger Lake H35 de 11ª geração. Como o nome sugere, os chips seriam limitados a operar com consumo de 35 W focando em "notebooks gamer ultrafinos". As soluções surgiriam diante do sucesso dos rivais AMD Ryzen HS, que adotam estratégia semelhante.

A empresa começou com três modelos: o Core i5 11300H, o Core i7 11370H e o Core i7 11375H. Todos chegaram com quatro núcleos e oito threads e GPUs integradas Iris Xe, tendo como únicas diferenças entre si a velocidade de operação, que varia de até 4,4 GHz no i5 a até 5,0 GHz no i7 mais robusto. Na prática, tratam-se apenas dos processadores UP3 para ultrabooks da empresa, como o Core i7 1165G7, mas com maior consumo.

Nesta terça-feira (22), sem alarde, a Intel expandiu a série H35 com dois novos chips — o Core i5 11320H e o Core i7 11390H. Assim como o restante dos modelos, não há diferenças significativas nas especificações.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Intel lança Core i5 11320H e i7 11390H

Mais robusto dos dois modelos, o Intel Core i7 11390H é quase idêntico ao 11375H já disponível no mercado, tendo como principal diferença as velocidades da CPU e da GPU. O novo processador traz clock base de 2,9 GHz, contra 3,0 GHz do mais antigo, e clock boost em todos os núcleos de 3,4 GHz, contra 3,3 GHz do 11375H. Ambos, no entanto, tem clock boost em um único núcleo estabelecido em 5,0 GHz.

A Intel Iris Xe integrada também passa por um upgrade modesto e agora atinge os 1,4 GHz, contra 1,35 GHz do chip mais velho. No mais, as especificações são as mesmas: consumo configurável de 28 W a 35 W, suporte a até 64 GB de RAM DDR4-3200 ou LPDDR4X-4267, 12 MB de cache e GPU com 96 Unidades de Execução (EUs).

OS novos i5 11320H e i7 11390H trazem apenas upgrades modestos nos clocks da CPU e da GPU (Imagem: Divulgação/Intel)

O Intel Core i5 11320H passa por situação semelhante em comparação ao Core i5 11300H, ainda que traga um número ligeiramente maior de mudanças. A novidade conta com clock base de 2,5 GHz, contra 2,6 GHz do irmão mais básico, e clock boost em todos os núcleos de 3,2 GHz, contra 3,1 GHz. Também há aumento no clock boost de um único núcleo, que vai de 4,4 GHz para 4,5 GHz.

A maior mudança está na GPU, que passa de 80 EUs para 96 EUs e aumenta o clock de 1,3 GHz para 1,35 GHz, acompanhando os processadores mais potentes da família e devendo assim entregar um fôlego extra em jogos. Outras configurações seguem iguais: consumo de 28 W a 35 W, suporte a até 64 GB de RAM DDR4-3200 ou LPDDR4X-4267 e 8 MB de cache.

Desempenho é semelhante à linha para ultrabooks

Se a lista de especificações não é suficiente para indicar que os novos processadores não devem entregar ganhos notáveis de desempenho, mesmo em comparação à família UP3 para ultrabooks, resultados do Core i7 11390H no Geekbench reforçam isso. Encontrados pelo leaker Leakbench, os números são basicamente idênticos aos atingidos pelo Core i7 1195G7 para ultrafinos.

O Core i7 1195G7 para ultrabooks entrega desempenho praticamente idêntico ao i7 11390H para notebooks gamer (Imagem: Reprodução/Videocardz)

Como lembra o site NotebookCheck, ambos conseguem abrir cerca de 20% de vantagem em processamento com um único núcleo quando comparados ao Ryzen 9 5900HS, topo de linha de 35 W da AMD para notebooks gamer portáteis, ainda que percam por uma diferença de quase 30% no processamento com todos os núcleos. Além disso, o resultado não deixa de invalidar a existência do novo topo de linha da série H35.

Fonte: NotebookCheck, Videocardz, Intel (1, 2)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.