Apple teria encomendado 80 milhões de chips A14 à TSMC para 2020

Apple teria encomendado 80 milhões de chips A14 à TSMC para 2020

Por Felipe Junqueira | 03 de Julho de 2020 às 19h20
Reprodução

A TSMC perdeu contratos com sua segunda maior cliente do mundo, a Huawei, e já anunciou ter compensado os pedidos sem grandes problemas. Agora, há mais um motivo para a fabricante de chips móveis celebrar: a Apple teria pedido cerca de 80 milhões de plataformas A14 Bionic, que devem ser utilizadas no iPhone 12— ou seja lá como vai chamar a família 2020 dos celulares da Maçã.

A informação foi divulgada pelo perfil @L0vetodream, no Twitter, sem mais explicações. É possível que o número envolva produção total de chips para três ou quatro linhas diferentes de produtos da Maçã: iPad, iPhone e iPhone Pro, e Mac.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Rumores apontam que os celulares da Apple em 2020 terão diferença na plataforma entre os modelos base e os Pro. Caso isso se confirme, o iPhone 12 e sua suposta variante maior teriam o A14 Bionic, enquanto o iPhone 12 Pro e sua variante maior trariam o A14X Bionic. Acredita-se que os dois modelos serão fabricados no mesmo processo de 5 nm.

A Maçã também informou há poucas semanas que pretende utilizar arquitetura ARM em chips de computadores, mas não entrou em muitos detalhes quando isso acontecerá e qual processo de manufatura tais componentes utilizariam. Há rumores de que um anúncio seja feito já no final de 2020, o que poderia incluir uma parte na conta dessas 80 milhões de plataformas encomendadas.

Uma notícia recente indica que fornecedores da Apple não estão otimistas com a próxima geração de celulares da empresa, e acreditam que a procura pode ser 50% menor do que o esperado. Fatores como a pandemia e a crise econômica causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) e uma aparente pouca empolgação com a tecnologia 5G seriam alguns dos motivos.

Ou seja, caso seja correta a informação dos 80 milhões de chips encomendados pela Apple, é bem possível que seja para dividir entre outros produtos além do iPhone 12.

Fonte: via WCCFTech

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.