Em 3 dias, Fortnite arrecadou mais de US$ 50 milhões para Ucrânia

Em 3 dias, Fortnite arrecadou mais de US$ 50 milhões para Ucrânia

Por Felipe Goldenboy | Editado por Bruna Penilhas | 24 de Março de 2022 às 11h50
Divulgação/Epic Games

A Epic Games, desenvolvedora de Fortnite, conseguiu arrecadar mais de US$ 50 milhões (R$ 241 milhões, em conversão direta) para ajuda humanitária na Ucrânia em apenas três dias. O dinheiro será entregue a organizações que providenciam suporte médico e jurídico, alimentos, água potável, artigos essenciais e abrigo.

O valor foi recolhido graças a uma campanha, que está revertendo toda a receita obtida com microtransações no jogo entre 20 de março a 3 de abril — ou seja, restam ainda 10 dias. Isso significa que, se você comprar algum item da loja com dinheiro de verdade, como V-Bucks, assinaturas do Clube Fortnite ou Passes de Batalha, você também ajudará as famílias afetadas pela guerra.

O vice-primeiro-ministro da Ucrânia, Mykhailo Fedorov, agradeceu à Epic Games pelo valor arrecadado antes mesmo do término da campanha. Na ocasião, já haviam sido angariados US$ 36 milhões (R$ 173 milhões) em menos de 48 horas.

"Obrigado @EpicGames por entender que a vida das pessoas não é um jogo. O apoio de vocês é crucialmente importante para nós.”

Segundo a Epic Games, a quantia será enviada às seguintes organizações:

  • Direct Relief;
  • Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF);
  • Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas (UNWFP);
  • Agência da ONU para Refugiados (UNHCR).

A empresa também informou que a "Xbox está se juntando a nós para esse esforço e está comprometendo sua receita com o Fortnite durante esse período"; a PlayStation não foi citada. Eles também explicaram que pretendem enviar os fundos “o mais rápido possível”:

“Não estamos esperando a chegada dos fundos da nossa plataforma e dos parceiros de pagamento, o que poderia levar algum tempo, dependendo de como a transação foi processada. Conforme as transações são realizadas, nós as registramos e enviamos os fundos equivalentes dentro de poucos dias para as organizações de ajuda humanitária.”

Várias empresas de games se uniram contra a invasão da Rússia à Ucrânia; a maioria está retaliando o governo russo, para tentar causar um estrangulamento da economia local. A Microsoft e a Sony pararam de vender seus consoles e jogos de Xbox e PlayStation na Rússia. A Electronic Arts (EA) removeu os times russos dos jogos FIFA, e a Twitch também suspendeu o pagamento a streamers russos — e mesmo quem já não mora mais no país foi afetado.

Fortnite está disponível de graça para consoles Xbox, PlayStation, PC, Nintendo Switch e dispositivos móveis Android. A Temporada 2 do Capítulo 3 foi lançada nesta semana, e ficará disponível no jogo até 3 de junho — saiba tudo o que mudou aqui.

Fonte: Epic Games, Inven Global

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.