Elon Musk acredita que SpaceX possa levar humanos à Lua antes de 2024

Elon Musk acredita que SpaceX possa levar humanos à Lua antes de 2024

Por Danielle Cassita | Editado por Patrícia Gnipper | 16 de Agosto de 2021 às 11h32
Reprodução/SpaceX

Elon Musk, CEO da SpaceX, parece otimista em relação ao andamento do desenvolvimento do sistema Starship. Em uma publicação feita no Twitter neste sábado (14), ele afirmou que o veículo provavelmente ficará pronto para pousar humanos na superfície lunar antes de 2024. A publicação foi feita após um relatório da NASA indicar que o pouso na Lua, em tal ano, seria inviável em função dos inúmeros desafios que a agência espacial vem enfrentando.

O tuíte de Musk foi publicado em resposta a um usuário que perguntou se o bilionário esperava que o Starship estaria pronto para pousar astronautas na Lua em 2024 — e esta pode ser simplesmente mais uma vez em que o bilionário faz comentários ambiciosos sobre o desenvolvimento e andamento de projetos, que nem sempre acabam correspondendo aos prazos reais de missões e lançamentos.

No caso do Starship, a SpaceX fechou um contrato de US$ 2,89 bilhões com a NASA, e o valor foi destinado ao projeto e construção do lander lunar que levará astronautas para a superfície lunar por meio do programa Artemis. Em paralelo, um documento mostra que a agência espacial já desembolsou US$ 300 milhões para o Starship, o maior valor que a NASA já destinou ao projeto. Portanto, a agência espacial parece confiante na capacidade da SpaceX dar conta do recado no prazo.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A execução do programa dentro do cronograma planejado será um grande desafio — tanto que um relatório recente afirma que o pouso lunar em 2024 será inviável em função de atrasos, incluindo o desenvolvimento dos trajes espaciais para os astronautas, que podem ficar prontos somente em 2025. Por outro lado, a SpaceX deu alguns indícios de que o desenvolvimento do sistema está correndo bem: o foguete Starship foi montado no propulsor Super Heavy pela primeira vez, e um teste de voo orbital poderá acontecer em breve.

A NASA planejou o pouso lunar para 2024 e afirmou que "esta não é uma data arbitrária, mas sim a mais ambiciosa o possível(Imagem: Reprodução/NASA)

Alguns dias antes da declaração, Musk defendeu o projeto do Starship no Twitter contra críticas de Jeff Bezos, fundador da Blue Origin, que alegou que a SpaceX recebeu "tratamento preferencial" por parte da NASA, ao ter sido escolhida para o contrato. "Estamos preocupados com a ausência de avaliações da prontidão de voo na proposta da SpaceX", afirmou a Blue Origin à Fox Business. Segundo a empresa de Bezos, seriam necessários 16 lançamentos consecutivos com apenas três avaliações, ao invés de somente uma para cada lançamento, como costuma acontecer na prática da indústria.

Essas avaliações são necessárias para garantir a segurança, e são ainda mais importantes no caso de veículos reutilizáveis e lançamentos múltiplos e rápidos. Como resposta, Musk afirmou que 16 voos do Starship são "extremamente improváveis", e observou que, caso haja necessidade, não haveria problemas em realizá-los. "A SpaceX já fez mais de 16 voos orbitais na primeira metade de 2021 e realizou acoplagens com a Estação Espacial Internacional mais de 20 vezes", completou.

Fonte: Futurism, Fox Business, Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.