Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Barbie | 5 motivos para assistir ao filme

Por| Editado por Jones Oliveira | 21 de Julho de 2023 às 19h05

Link copiado!

Warner Bros
Warner Bros

Antes mesmo de ser lançado nos cinemas, o filme da Barbiejá vinha despertando muita curiosidade no público. Não à toa, a produção dirigida por Greta Gerwig se tornou a pré-estreia mais vendida da história da Warner Bros no Brasil. Estrelado por Margot Robbie e Ryan Gosling, o longa tem uma trama agridoce que mescla piadas bobas com críticas sociais bem fundamentadas.

Mas esses não são os únicos motivos que fizeram da obra um dos grandes lançamentos de 2023 e um dos filmes mais bem avaliados do Rotten Tomatoes no ano— são 89% de avaliações positivas dos especialistas e 90% da crítica comum. Marketing bem efetivo, figurinos chamativos e trilha sonora comandada por estrelas da música como Dua Lipa e Nicki Minaj também atiçaram o público.

E se você ainda está em dúvida se Barbie merece seu ingresso, saiba que há outras excelentes razões para fazê-lo entrar na onda rosa e dar uma chance para a história que a boneca mais famosa do mundo tem para contar.

Continua após a publicidade

5. Críticas sociais

Não dá para falar nos motivos para assistir Barbie sem citar as várias críticas sociais que o filme faz. Com um roteiro afiado e bem lapidado, o filme contesta o machismo estrutural, a misoginia, o padrão de beleza imposto às mulheres e meninas, o fato de um homem mediano conseguir conquistar muito mais coisas do que uma mulher bem preparada e outras questões presentes na sociedade.

Além disso, o filme tem um elenco bem diversificado, contando com atrizes e atores de origem asiática, plus size, negros e uma atriz transexual.

4. Cenário e figurinos impecáveis

Os vários trailers e vídeos de divulgação já entregavam que Barbieseria uma explosão de tinta rosa. E, realmente, os cenários e figurinos não pouparam o tom pink. A cenografia soube usar os elementos certos para despertar nostalgia no público que brincava com a boneca e a equipe de figurinos não mediu esforços para reproduzir os looks icônicos da Barbie, como o maiô branco e preto, que vestiu o primeiro exemplar vendido em 1959.

Continua após a publicidade

3. Representação de Ruth Handler

Uma das gratas surpresas do live action da Barbie é a representação de Ruth Handler, a criadora da boneca e cofundadora da Mattel. No filme, ela ganha vida com a atriz Rhea Perlman e aparece em dois momentos importantes: primeiro quando fala com Barbie que não a criou para ser perfeita e, depois, ao final do longa, quando diz que o brinquedo de plástico pode ser tudo o que ela quiser, inclusive humana.

Há ainda a participação de uma senhora, que interage com Barbie quando elas estão no ponto de ônibus. A mulher faz referência a como Ruth estaria se ainda estivesse viva.

Continua após a publicidade

2. Os Kens

Se você está procurando um bom motivo para assistir ao live-action da Barbie, então a participação dos Kens pode te agradar. Eles ganharam vida com Ryan Gosling, Simu Liu, Ncuti Gatwa e Kingsley Ben-Adir e não economizaram na Ken-energia, mostrando que, apesar de serem coadjuvantes, também fazem diferença na trama.

Entre os bons momentos, destaca-se o duelo entre Ken (de Gosling) e Ken (de Simu), além do número musical que Gosling protagoniza para reclamar que está sendo esnobado pela Barbie.

Continua após a publicidade

1. A participação da narradora

Se os personagens agradam no filme da Barbie, a narradora também não decepciona. A voz que narra o filme é de Helen Mirren, atriz que já estrelou longas como Calígula e A Rainha.

Na trama, ela aparece como a grande surpresa e é responsável por ajudar a contar a história e ainda soltar algumas piadas bem ácidas e comentários bem-humorados que quebram a quarta parede. A melhor delas é quando ela fala que que o discurso da Barbie se sentir feia não funciona com a Margot Robbie.