Toyota e Suzuki unem forças em SUV “híbrido barato” para mercados emergentes

Toyota e Suzuki unem forças em SUV “híbrido barato” para mercados emergentes

Por Paulo Amaral | Editado por Jones Oliveira | 22 de Outubro de 2021 às 17h10
Reprodução/Daily Echo

A Toyota e a Suzuki querem ampliar o alcance da parceria já existente no mercado da Índia para outros países considerados emergentes. Para isso, uniram forças há aproximadamente um ano no projeto de um SUV híbrido de baixo custo e que, futuramente, poderá ter também uma versão 100% elétrica. A ideia é mandar ao mercado um produto com “cara de Suzuki” e tecnologia Toyota.

De acordo com o site alemão Automobilwoche, o foco é atingir, entre outros rivais, o Hyundai Creta. Para isso, o trabalho está direcionado para criar um modelo que reúna características do Suzuki Across e do Toyota Yaris Cross que é vendido na Europa atualmente (e não tem nada a ver com o modelo comum do hatch que roda aqui no Brasil).

O novo modelo poderia nascer sob a marca indiana Maruti, que é de propriedade majoritária da Suzuki. Ela está trabalhando, juntamente com a Toyota, em um amplo portfólio de veículos híbridos e elétricos visando justamente mercados emergentes da Ásia, África, América Central e América do Sul, talvez com o Brasil na alça de mira.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Produto ambicioso

Ainda não há qualquer informação oficial a respeito de design, configuração ou mesmo o nome do futuro SUV “híbrido e barato” que Suzuki e Toyota estão construindo juntas, mas uma fonte ouvida pelo Times Of India assegurou que ele chegará para causar impacto. “É um produto ambicioso e, talvez, o primeiro veículo colaborativo totalmente novo, que as duas empresas desenvolveram juntas”, comentou, sob condição de anonimato.

A mesma fonte adiantou que o SUV que está em desenvolvimento não será o único fruto da parceria com foco fora da Índia. “O plano original das empresas era olhar para híbridos fortes e versões eletrificadas, mas, agora, estão se concentrando em eletricidade pura e até mesmo células de combustível. Nada foi finalizado ainda, mas podemos dizer com certeza que há um futuro conjunto”.

Fonte: Automobil Woche, Times Of India, Daily Echo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.