Publicidade

Testamos o GWM Haval H6 PHEV19, novo SUV híbrido de entrada cheio de estilo

Por| Editado por Jones Oliveira | 21 de Maio de 2024 às 11h00

Link copiado!

Paulo Amaral/Canaltech
Paulo Amaral/Canaltech

Enquanto a nova geração do Haval H6 não chega ao Brasil, conforme prometido pelo presidente James Young em bate-papo com jornalistas no Salão de Pequim, a GWM vai colocar no mercado nacional uma nova versão do SUV híbrido plug-in, batizada de PHEV19.

O Haval H6 PHEV19 passará a ser a versão de entrada da família no Brasil, ocupando o lugar que antes pertencia ao PHEV34, modelo abaixo da variante GT. Os números que seguem a sigla fazem referência à capacidade da bateria dos modelos. O recém-chegado oferece 19 kWh, enquanto o que já está no mercado entrega 34 kWh.

Além da menor capacidade de carga, que impactará diretamente na autonomia, o SUV híbrido plug-in da marca chinesa também não tem o motor elétrico traseiro e, com isso, apresenta apenas tração dianteira. A potência do Haval H6 PHEV19, portanto é menor que a da versão que já roda no Brasil: 326 cv e 54,04 kgf/m de torque contra 393 cv e 77,7 kgf/m.

Continua após a publicidade

Além do powertrain diferente e da capacidade menor da bateria, a nova versão de entrada da família PHEV do Haval H6 também apresenta rodas inéditas, novo revestimento dos bancos e algumas mudanças no interior que, segundo a marca, “foram inspiradas nas últimas tendências estilísticas do mercado europeu”.

Como anda o novo Haval H6 PHEV19?

A reportagem do Canaltech viu de perto e teve a oportunidade de acelerar o novo Haval H6 PHEV19 na pista de testes da GWM, em Baoding, cidade chinesa próxima a Pequim, durante a visita ao país asiático. E notou que, embora menos potente, o SUV híbrido plug-in segue bastante interessante. O teste, a exemplo dos demais, foi curto, com apenas uma acelerada em reta e mais alguns metros para sentir a estabilidade nas curvas — que é boa.

O Canaltech está no WhasApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Segundo a GWM, o 0 a 100 km/h do H6 PHEV19 é feito em apenas 7,6 segundos, tempo bem superior aos 4,9 segundos do PHEV34. Os pontos-chave para o modelo ganhar mercado, porém, estão no preço e no acabamento, que foi melhorado e modernizado.

De acordo com a marca, a nova variante com motor híbrido plug-in ficará posicionada entre o HEV2 (que não é plug-in e, portanto, não tem autonomia exclusivamente no modo elétrico) e o PHEV34, que tem alcance superior a 100 km sem precisar utilizar a gasolina do tanque.

A autonomia do PHEV19, porém, ainda não foi divulgada pela marca chinesa, mas certamente será mais modesta que a da antiga versão de entrada. 

Continua após a publicidade

Quanto vai custar o Haval H6 PHEV19?

Para compensar a perda de autonomia e potência, a GWM já avisou que o preço também será menor que os R$ 279 mil cobrados pelo Haval H6 PHEV34, que começará a ser vendido no início de junho.

Os valores exatos da nova versão do SUV híbrido da marca chinesa, porém, não foram divulgados até o momento.