4º Prêmio Canaltech | Como a família Moto G8 foi a campeã de vendas Magalu

4º Prêmio Canaltech | Como a família Moto G8 foi a campeã de vendas Magalu

Por Redação | Editado por Patrícia Gnipper | 14 de Abril de 2021 às 22h10

É seguro dizer que Motorola e Samsung possuem quase um duopólio do mercado de smartphones no Brasil. Segundo números do site Statcounter, ambas as empresas possuem 66,5% de marketshare no país, com as outras fabricantes (Apple, Xiaomi, Realme, entre outras) brigando entre elas pelos 33,5% restantes.

E com a saída da LG do setor, é possível que a diferença das duas fabricantes dominantes aumente ainda mais, já que estamos falando de 6,5% que serão deixados pela companhia sul-coreana.

Mas quando falamos de Motorola, há um componente especial: a exemplo da Nokia, a marca conta com um carinho muito grande do público brasileiro. Presente por aqui desde os primórdios da telefonia móvel, a fabricante norte-americana (hoje controlada pela chinesa Lenovo) soube como poucas entender os hábitos do consumidor nacional ao longo dos anos. Com isso, ela vem desenvolvendo dispositivos que trazem recursos que atendem suas preferências do dia a dia - modelos com melhor câmera, bateria mais robusta ou tela com melhor definição - e cujos preços caibam no bolso.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

E em um 2020 marcado pela pandemia da Covid-19, onde os celulares ganharam uma importância extra devido ao distanciamento social, a estratégia da Motorola de lançar dispositivos muito focados nas necessidades do público vem se mostrando acertada. Tanto que os modelos da família Moto G8 foram os grandes vencedores na categoria "Campeões de venda Magalu", da 4ª edição do Prêmio Canaltech - a mais importante premiação do mercado de Tecnologia do Brasil. A série faturou o prêmio na modalidade "Smartphone mais vendido".

E para explicar melhor o sucesso dessa família de smartphones e o que vem pela frente, o Canaltech conversou com Andrea Brandi, Brand Marketing Manager Brasil da Motorola.

Caption


Confira como foi o papo:

Canaltech - 2020 foi um ano atípico, principalmente devido à pandemia e a obrigatoriedade do home office em muitas empresas. Como a Motorola atuou para atender a alta demanda de seus consumidores por smartphones?

Andrea Brandi: Durante a pandemia, o celular virou uma ferramenta ainda mais importante para quem precisa estudar, trabalhar ou para entretenimento / atividades físicas. Nossa missão é entender o que consumidor brasileiro precisa e entregar a melhor experiência em nossos dispositivos, reforçando nosso apoio aos parceiros comerciais e canais próprios de venda, além de oferecer um excelente atendimento de pós-venda.

Oferecemos produtos com grande qualidade para atender a todas as necessidades dos consumidores. Em nossos anúncios recentes, trouxemos ao Brasil os primeiros smartphones compatíveis com a tecnologia 5G não somente em aparelhos flagship, mas também na faixa intermediária, como o Moto G.


CT - Quais os diferenciais da família Moto G8 para que ela se tornasse um sucesso junto ao público?

A.B.: Não poupamos esforços para adiantar tendências e nos anteciparmos às expectativas do consumidor, o que nos permite sempre surpreender os nossos clientes. Fazemos periodicamente pesquisas de satisfação com consumidores buscando entender as suas necessidades e exigências, além de constantes testes e feedbacks que orientam os lançamentos futuros sempre pensando no aprimoramento das próximas edições.

Quando lançamos o primeiro Moto G nós inauguramos o segmento intermediário, com a missão de trazer recursos premium para todos. A partir disso, toda a indústria móvel seguiu os nossos passos. Trouxemos para o segmento acabamento em vidro, carregamento rápido, melhores câmeras, bateria de maior duração, sensor de impressão digital, chipsets mais poderosos e tela maiores.

Os diferenciais embarcados em uma família composta por quatro aparelhos, ouvindo o que o consumidor mais necessitava em um smartphone, com opções para todos os tipos de público, fez com que a família Moto G8 se tornasse um sucesso.


CT - Em 2020, com uma demanda maior por hardware devido à pandemia / home office, o que a Motorola observou nas preferências do usuário no uso dos smartphones? Que características o público tem apreciado mais neste tipo de dispositivo? Houve alguma mudança mais destacada nos hábitos de uso ao longo de 2020?

A.B.: Durante a pandemia, o celular virou o principal investimento de muitas pessoas com o objetivo de manter a produtividade. A indústria móvel ganha importância ainda maior no momento em que as pessoas estão atuando em regime de home office, se conectando com familiares e amigos, consumindo notícias, informação e até mesmo produzindo conteúdo. Para alguns profissionais, o smartphone permite inclusive a possibilidade de continuarem oferecendo seus serviços, como psicólogos, terapeutas e toda a cadeia de alimentação através dos aplicativos de delivery.

O entretenimento também é um fator importantíssimo dentro deste cenário de isolamento social. Hoje, uma grande parcela dos usuários consome este tipo de conteúdo diretamente dos seus aparelhos celulares. Ou seja, a tecnologia e o próprio smartphone assumem um papel importante na vida das pessoas, como ferramenta para solução de diversos problemas e realização de atividades do dia a dia.

Mesmo em meio à pandemia, a Motorola manteve sua estratégia de lançamentos de aparelhos que correspondessem às expectativas e necessidades dos consumidores.


CT - E para 2021 o que a Motorola planeja trazer ao público brasileiro em seus novos smartphones? Você pode adiantar alguma novidade que a empresa prepara para o setor este ano?

A.B.: A Motorola não comenta sobre lançamentos futuros, mas já iniciamos 2021 com uma série de novidades, muitas delas pioneiras na indústria. Acabamos de lançar a décima geração da família Moto G, smartphones que são absoluto sucesso de vendas e queridinhos dos brasileiros. O novo Moto G100 é o carro chefe da nova família e o Moto G mais rápido de todos os tempos, com processador Qualcomm® Snapdragon™ 870, compatível com a tecnologia 5G2 e conectividade Wi-Fi 6. Conta ainda com 12 GB de memória RAM e 256 GB de armazenamento interno.

O Moto G30 e Moto G10 incorporam a missão de trazer recursos premium à faixa intermediária, oferecendo sistemas de câmera líderes de mercado, bateria com duração de até dois dias de uso e um desempenho impressionante.

O novo Moto G100 vem ainda com a exclusiva plataforma Ready For, estrela da nova campanha global da Motorola. Trata-se de uma plataforma que, de forma simples e prática, é capaz de transformar qualquer tela com entrada HDMI em uma extensão do smartphone permitindo levar jogos, filmes e vídeos para a tela grande, fazer videochamadas com inteligência artificial, ter mais produtividade com o modo desktop móvel, além de ter câmeras inteligentes que acompanham movimentos para criação de conteúdos.

Temos ainda duas inovações importantes que contemplam o mercado brasileiro. A primeira delas é o projeto pioneiro e piloto que vai aguçar um novo sentido do consumidor, o olfato, com a fragrância da marca Motorola. A assinatura olfativa pode ser sentida nos novos Moto G100 e Moto G30 quando a embalagem dos modelos é aberta. Esse projeto foi desenvolvido com exclusividade, em parceria com a Firmenich, a maior empresa privada do mundo no ramo de perfumes e aromas.

Além disso, temos aqui na Motorola um compromisso com a inclusão por meio da tecnologia. Seguindo nossa missão de levar tecnologia para todos e em mais uma iniciativa pioneira, tornamos as línguas indígenas kaingang e Nheengatu, ameaçadas de extinção no Brasil segundo a Unesco, disponíveis para qualquer pessoa que tenha um dos novos dispositivos da Motorola, ou que esteja atualizado para Android 11. O projeto contou com o trabalho e empenho de uma equipe de acadêmicos, linguistas e indígenas falantes dos dois idiomas, uma vez que a integração de línguas nativas à escrita é crucial para sua preservação. Todos os dados das línguas coletados com o apoio da Motorola têm código aberto, e a marca também incentiva que mais línguas indígenas estejam disponíveis no Android no futuro.

Também estamos investindo no universo gamer a partir do lançamento do Lenovo Legion Phone Duel. O smartphone foi desenvolvido do zero em parceria com a Lenovo para atender jogadores apaixonados por alto desempenho e que chega para redefinir a experiência de jogos mobile. Possui uma inovadora arquitetura de refrigeração líquida dupla e a primeira interface de usuário totalmente personalizada para uso na horizontal, garantindo uma jogabilidade poderosa, além de uma experiência totalmente fluida e imersiva.

Nos últimos dois anos, também mantivemos nossa liderança no 5G com o lançamento de vários dispositivos habilitados para mmWave e sub-6 5G ao redor do mundo. Seja com nossa família Motorola edge, que entrega velocidade pura ao segmento premium, ou com nossos aparelhos 5G mais recentes, como o Moto G100, reforçamos o nosso compromisso com a democratização da tecnologia 5G no mundo, trazendo o poder do 5G para cada vez mais consumidores, onde quer que estejam.

Leia também:

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.