Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Leo | Navegador Brave lança IA estilo ChatGPT com foco em privacidade

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 03 de Novembro de 2023 às 14h31

Link copiado!

Divulgação/Brave
Divulgação/Brave

O navegador Brave lançou o chatbot de IA generativa Leo a partir da versão para 1.60 para desktop. A ferramenta é integrada ao aplicativo, responde aos comandos em textos, resume páginas da web e tenta se diferenciar da concorrência ao prometer medidas de privacidade para proteger as pesquisas feitas por seus usuários.

A nova IA pode ser acessada na própria barra de pesquisa do Brave ou a partir de um ícone específico no painel lateral do navegador. O funcionamento se dá com a mesma fórmula de ChatGPT, Bing Chat e outros nomes do segmento: a pessoa escreve prompts em texto e recebe as respostas a partir de uma aba de conversa.

Continua após a publicidade

Entre as funções mencionadas pelo Brave, a IA consegue resumir ou analisar o conteúdo de páginas da internet, interpretar códigos, criar novos textos do zero e traduzir e corrigir conteúdos. A versão gratuita usa o modelo de linguagem LLaMa 2, da Meta, mas há um modelo pago a US$ 15 por mês (cerca de R$ 74 em conversão direta) com acesso ao Claude Instant, modelo de IA da Anthropic treinado para evitar conteúdos nocivos e com melhorias nas respostas.

Privacidade em destaque

O Brave é um navegador com a premissa de oferecer mais segurança e privacidade, e a IA integrada não foge dos mesmos princípios. A desenvolvedora reforça que o Leo adota diversos recursos para proteger as informações de usuários e os conteúdos gerados pelo chatbot.

O Brave remove as conversas dos servidores do navegador e informa que não usa as respostas para o treinamento dos modelos. A plataforma também garante não coletar o endereço de IP usado e dispensa o uso de login para acessar o recurso.

Por fim, o navegador informa que usa um sistema de proxy para garantir o anonimato de quem faz as pesquisas e usa tokens para confirmar a assinatura do Leo Premium.

Navegadores com IA podem ser nova tendência

O Brave segue um movimento que caminha para virar uma tendência entre os navegadores em 2023: a integração com algum serviço de IA generativa. O Microsoft Edge foi o primeiro, ao adotar o Bing Chat baseado no ChatGPT, e disponibiliza o serviço nas versões para computador e celular. Depois, o navegador Opera anunciou a assistente Aria, também encontrada em computadores e celulares.

Inicialmente, a IA do Brave está disponível somente para desktop, mas a desenvolvedora tem planos para lançar o recurso para Android e iOS nos próximos meses.