Histórico: TikTok é o 1º app não Facebook a bater 3 bilhões de downloads

Histórico: TikTok é o 1º app não Facebook a bater 3 bilhões de downloads

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 14 de Julho de 2021 às 16h53
Obi Onyeador/Unsplash

O site de gestão de dados móveis Sensor Tower revelou que o aplicativo TikTok entrou para o clube dos três bilhões de transferências. Ele é o primeiro programa fora do ecossistema do Facebook e alcançar a impressionante marca e, além disso, é apenas o quinto em toda a história a superar o marco — os outros quatro são WhatsApp, Messenger, Facebook e Instagram.

A rede social chinesa foi o app não relacionado a jogo mais baixado do planeta no primeiro semestre de 2021, com 383 milhões de instalações e cerca de US$ 919,2 milhões (R$ 4,5 bilhões) em gastos pelo consumidor.

Os dados incluem também informações do Douyin, a versão chinesa do app no iOS (Imagem: Reprodução/Sensor Tower)

O TikTok viu seus downloads aumentarem em 2% do último trimestre de 2020 para o primeiro de 2021. Já do primeiro para o segundo trimestre, a rede pisou no acelerador e viu o crescimento saltar para 16%. Este é o quarto maior crescimento experimentado desde o trimestre recorde do começo de 2020.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Embora o relatório não mencione, o crescimento pode ter ligação com o sistema de monetização implementado pela rede em 2021. Com ele, os produtores de conteúdo podem ser remunerados pelos seus vídeos e o espectador recebe uma fatia por assistir aos conteúdos.

Em todo o mundo, as pessoas já gastaram mais de US$ 2,5 bilhões no TikTok. Apenas 16 aplicativos não relacionados a jogos acumularam mais de US$ 1 bilhão em receita bruta desde 2014, sendo que Tinder, Netflix, YouTube e Tencent Video foram os únicos a alcançar o mesmo valor do TikTok ou mais.

Contínua busca pelo topo

As métricas da popular rede social mostram um crescimento meteórico e ainda surpreendente. Os concorrentes também querem uma fatia do bolo no quesito de vídeos curtos, por isso é necessário ficar de olho em como será o crescimento daqui para frente. Snapchat, YouTube e Instagram estão fortes com seus formatos similares ao da plataforma, sem contar os ascendentes Kwai e Moj correndo pela tangente.

A ByteDance, dona do TikTok, está ciente dessa movimentação e deve continuar inovando para criar um ecossistema forte para sua principal fonte de renda. Recentemente, a plataforma anunciou sua chegada no Fire TV, no intuito de atingir o público das smart TVs. A rede também deve introduzir ferramenta de automação para exclusão de vídeos ilegais, com objetivo de oferecer mais segurança ao usuário.

Fonte: Sensor Tower

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.