Seu próximo smartphone Android pode ter quatro anos de atualizações garantidas

Por Ramon de Souza | 16 de Dezembro de 2020 às 18h39
Andrew Mantarro

A guerra entre os usuários do Android e do iOS é ferrenha, com diversos argumentos sendo utilizados para defender qual ecossistema é melhor. Quem defende a Maçã sempre usou como justificativa o fato de que, no geral, iPhones recebem bem mais suporte do que os celulares com o SO do Google — de fato, basta lembrar que o iPhone SE de primeira geração, lançado em 2016, é compatível com o novo iOS 14, disponibilizado neste ano.

Esse pretexto, porém, está prestes a cair por terra. Graças a uma parceria firmada entre a fabricante de semicondutores Qualcomm e o próprio Gigante das Buscas, todo e qualquer smartphone equipado com chipsets da marca da próxima geração — a partir do Snapdragon 888 — vão ter, garantidos, quatro anos de suporte para atualizações de software e patches de segurança.

Isso significa que, além da versão do Android que vier de fábrica, seu próximo celular será compatível com as três próximas edições que forem lançadas pelo Google. A iniciativa, na verdade, trata-se nada mais do que uma expansão do Project Treble, lançado pela companhia justamente para agilizar a entrega de atualizações, reduzir as reclamações dos usuários nesse sentido e diminuir a fragmentação do Android.

O Treble, em base, modulariza o sistema operacional para que os fabricantes de semicondutores, separando a parte “principal” do SO com suas camadas mais internas (que, a cada novo release, precisa ser trabalhada junto às fabricantes de semicondutores para garantir que não hajam bugs de compatibilidade com recursos de hardware). Infelizmente, a parceria anunciada hoje não inclui aparelhos que usam chipsets de outras marcas como Huawei (Kirin), Samsung (Exynos) ou MediaTek.

Fonte: Notebook Check

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.