Publicidade

Windows 10 não vai ter suporte ao Wi-Fi 7, revela documento da Intel

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 24 de Agosto de 2023 às 11h13

Link copiado!

Windows/Unsplash
Windows/Unsplash

O Windows 10 não vai ter suporte para Wi-Fi 7, revelou um documento publicado pela Intel. O documento revela aspectos técnicos do GaP2 e do MtP2, recursos embutidos no novo Wi-Fi 7, e informa que o antigo sistema operacional da Microsoft não será compatível com o novo padrão de transmissão de dados com roteadores.

Segundo a tabela, a tecnologia será compatível com Windows 11, distribuições Linux e ChromeOS. Sistema operacional da Apple, o macOS também ficou de fora, mas vale lembrar que as versões mais recentes dos computadores Mac vêm com chipset próprio da Maçã, ou seja, é ela quem deve informar sobre a compatibilidade com o novo formato.

Continua após a publicidade

Sendo assim, usuários de Windows 10 não terão outra opção para aproveitar a nova tecnologia senão fazer um upgrade de sistema operacional ou migrar para alguma distribuição Linux.

A nova plataforma representa um considerável aprimoramento em comparação ao Wi-Fi 6. Uma demonstração da Intel mostrou que a tecnologia consegue atingir até 5 Gbps de velocidade de transmissão de dados, valor 2,5 vezes maior que o Wi-Fi 6E e até 5 vezes mais rápido que o Wi-Fi 6 tradicional.

Novos componentes vem aí

Continua após a publicidade

Usuários do Windows 10 ainda não precisam se preocupar com a ausência de recursos, principalmente porque o Wi-Fi 7 acabou de chegar e aos poucos aparece em componentes cruciais, como placas-mãe. Aqueles que não pretendem fazer um upgrade de hardware por agora, não vão sentir falta da capacidade.

Porém, à medida que o padrão avança e se torna mais popular, a falta de compatibilidade com o Windows 10 passará a ser um problema.

A própria Microsoft encoraja que usuários deixem de usar o Win 10 e migrem para o Win 11. O sistema antigo já não recebe novidades significativas há meses e está em contagem regressiva para o fim do suporte.