Prévia do Windows 11 poderá ser experimentada em breve; saiba como testar

Prévia do Windows 11 poderá ser experimentada em breve; saiba como testar

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 24 de Junho de 2021 às 16h54
Reprodução/Microsoft

O Windows 11 foi oficialmente apresentado pela Microsoft e, naturalmente, todos querem logo experimentá-lo. Para frustração geral, a companhia informou que o sistema operacional ainda tem cerca de um ano inteiro de desenvolvimento até alcançar o público geral, contudo, existirá uma alternativa (desta vez legítima) de experimentar o sistema através do Windows Preview.

A partir da semana que vem, usuários cadastrados no programa de testes da empresa poderão conferir o que há de novo no sistema operacional com um download oficial. Os requisitos mínimos para a instalação são os mesmos da versão oficial, portanto incluem:

  • Processador 64-bit com 2 núcleos e com 1 GHz de frequência;
  • 4 GB de RAM;
  • 64 GB de armazenamento disponível;
  • GPU com suporte a DirectX 12;
  • Monitor de 9 polegadas ou superior com resolução de 720p;
  • Firmware com suporte a UEFI e Secure Boot;
  • Placa-mãe com TPM 2.0.

Uma forma de verificar a compatibilidade com sua máquina é através da ferramenta oficial da Microsoft chamada “Verificação de integridade do PC” (clique para baixar). Assim que instalado, o programa fará uma verificação de compatibilidade entre o seu PC e o W11. Se algo não estiver dentro do esperado, ele denunciará o problema.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Caso não fique claro qual o problema encontrado e você não souber o que inviabilizou a compatibilidade na sua máquina, é provável que a incompatibilidade esteja no componente TPM 2.0 (Trusted Platform Module). O Canaltech explicou o que é TPM 2.0 e qual a sua importância para a preservação da integridade do computador.

Se o seu computador ou placa-mãe forem novos, é provável que o mecanismo de segurança esteja desabilitado por padrão nas configurações de BIOS. Neste caso, a ativação leva apenas alguns minutos. O processo requer que você acesse o setup, encontre e habilite a opção correspondente a TPM e reinicie o computador aplicando as alterações. Daí, é de bom tom conferir novamente pela compatibilidade pela ferramenta da MS.

Para ingressar no Windows Insider, você só precisa acessar a página oficial do programa e registrar sua conta. Mais detalhes sobre como o programa funciona e como você pode contribuir com o desenvolvimento do Windows podem ser encontrados também no portal da Microsoft.

Versões de teste são instáveis

Antes de fazer a instalação, esteja ciente que embarcar em uma versão de testes do Windows significa estar disposto a encontrar bugs, ferramentas inacabadas e um sistema instável. Portanto, é interessante que você faça isso em uma máquina que não seja o seu único meio para trabalho, por exemplo, visto que os problemas podem ser bem inconvenientes.

O Windows 11 ainda não tem data de lançamento, mas a fabricante espera liberá-lo no início de 2022. A companhia não deu mais informações quanto a disponibilidade, tampouco o preço para se adquirir a chave do sistema, mas usuários do W10 poderão migrar gratuitamente por um ano.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.