Xiaomi e Oppo podem ter smartphones dobráveis em desenvolvimento

Por Carlos Dias Ferreira | 31 de Julho de 2018 às 22h50
Tudo sobre

Xiaomi

A julgar pelos movimentos recentes de várias fabricantes, os smartphones dobráveis podem mesmo ser a tendência dos próximos anos. Depois de Samsung e Huawei apresentarem planos de novas linhas baseadas na tecnologia, agora foi a vez da Xiaomi e da OPPO entrarem na corrida — pelo menos de acordo com uma fonte não divulgada do site sul-coreano ET News.

Segundo o site, as chinesas buscam atualmente por um fornecedor de telas para seus próprios modelos dobráveis. Naturalmente, dado o inegável pioneirismo do novo design, há ainda poucas opções. Basicamente, as companhias terão que escolher entre a BOE Technology, a Visionox e a LG Display.

No caso da Xiaomi, entretanto, a ideia não é apenas a de seguir uma tendência. Segundo a fonte do ET News, a gigante chinesa pretende mesmo ser a primeira a colocar um smartphone dobrável no mercado, ainda que apenas nas prateleiras chinesas, em princípio — em contraste com a estratégia global planejada pela Samsung e pela Huawei. O lançamento, no caso, poderia ocorrer ainda em 2018 ou mesmo no início de 2019.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Um diferencial de ambas devem ser também os preços. Enquanto o primeiro Galaxy dobrável deve ser vendido por não menos do que US$ 1.788 — podendo chegar a US$ 2.652 —, os modelos da Oppo e da Xiaomi devem ter preços de lançamento entre US$ 896 e US$ 1.344. Até o momento, entretanto, nenhuma das fabricantes se pronunciou oficialmente a respeito.

Fonte: Digitimes

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.