Rumor | Xiaomi trabalha em smartphone com tela de 144 Hz e chip da MediaTek

Por Diego Sousa | 28 de Maio de 2020 às 22h15
Reprodução/TechAdvisor
Tudo sobre

Xiaomi

Saiba tudo sobre Xiaomi

Ver mais

A Xiaomi não atualiza sua linha Mi Mix desde 2018, quando anunciou a terceira geração com grandes melhorias na tela. O Mi Mix 4 estava previsto para 2019, no entanto, foi adiado indefinidamente por causa do lançamento do conceitual Mi Mix Alpha — que ainda não chegou a ver a luz do dia. Finalmente, em 2020 deveremos conhecer o novo celular da empresa, uma vez que mais rumores sobre o modelo surgiram na Web.

De acordo com o vazador Digital Chat Station, conhecido no mercado asiático, a Xiaomi está desenvolvendo um novo smartphone com painel IPS LCD de 144 Hz. É presumível que a opção de equipar um display teoricamente inferior ao AMOLED — usado no Mi Mix 3 — seja para implementar o inédito sensor biométrico por baixo de uma tela LCD, tecnologia desenvolvida pela Redmi. Isso teria efeito imediato no custo de produção, que seria muito menor.

Mi Mix 3 foi lançado com tela AMOLED e cerca de 93% de aproveitamento de tela (Foto: Divulgação/Xiaomi)

Além disso, o suposto modelo seria equipado com o chipset Dimensity 1000+, da MediaTek. O rumor é reforçado pelo próprio presidente do Grupo Xiaomi na China e diretor-geral da Redmi, Lu Weibing, que subiu ao palco durante o lançamento do processador, em maio, para falar da parceria com a taiwanesa.

O chip Dimensity 1000+ é um dos modelos 5G mais potentes do mercado. Além de suportar telas de até 144 Hz de taxa de atualização, ele oferece uma economia de energia de até 48% em relação à concorrência, segundo a empresa. Há também melhorias de estabilidade para o modem 5G integrado, capaz de alternar para redes 4G conforme a qualidade da conexão.

Com exceção da sua linha gamer, a família Mi Mix é a que recebe as principais melhorias de tela da empresa. O suposto Mi Mix 4 seria então o 1º celular da empresa com tela de 144 Hz.

Apesar dos rumores, a Xiaomi ainda não confirmou se lançará um dispositivo com o chipset da MediaTek e tampouco se será, de fato, o Mi Mix 4. No entanto, considerando o avanço da linha até aqui, podemos esperar grandes novidades, principalmente em relação à tela.

Fonte: Weibo (chinês)  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.