iPhones 14 e 14 Max podem manter tela de 60 Hz

iPhones 14 e 14 Max podem manter tela de 60 Hz

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 18 de Fevereiro de 2022 às 15h37
Apple

Um dos recursos mais aguardados para a linha iPhone 14 é o suporte para taxa de atualização de 120 Hz em toda a série, já que atualmente ela está disponível apenas para os modelos Pro, com o nome de ProMotion. Porém, de acordo com uma recente publicação do portal coreano The Elec, essa expectativa poderá ser frustrada nos celulares esperados para setembro deste ano.

Linha iPhone 14 Pro poderá contar com furo em formato de pílula para as câmeras frontais (Imagem: Ian Zelbo)

A BOE, empresa que fornece tela para alguns iPhones atuais, já teria iniciado um planejamento para produção de telas de polisilício de baixa temperatura (LTPS) de 6,1 polegadas, provavelmente para o iPhone 14 padrão. Esse é o mesmo tipo de painel já presente no iPhone 13 e iPhone 13 Mini, mas os modelos iPhone 13 Pro e iPhone 13 Pro Max possuem componentes com a tecnologia de óxido policristalino de baixa temperatura (LTPO) — que permite a utilização de taxas variáveis de atualização com até 120 Hz, mas preservando a autonomia de bateria.

Portanto, existem indícios que os dois modelos "não-Pro" ficarão limitados aos 60 Hz mais uma vez. Espera-se que a Apple deixe de fabricar um aparelho "Mini" para dar lugar a um "Max", com o mesmo tamanho de 6,7 polegadas do Pro Max, mas recursos mais simples para tornar o dispositivo mais barato — a tela menos fluida poderá ser um exemplo.

Telas LTPO permitem o ProMotion de até 120 Hz (Imagem: Divulgação/Apple)

No mesmo texto, o portal The Elec revela que a BOE pode estar com problemas no fornecimento do display do iPhone 13 e 13 Mini, por conta da escassez de semicondutores necessários para a fabricação dos painéis. Mesmo assim, a empresa planeja aumentar sua presença no futuro, fazendo frente a outras companhias que entregam telas para dispositivos móveis da Apple, como é o caso da LG e da Samsung.

Fonte: iMore

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.