Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Galaxy S4 | Dá para usar um celular de 10 anos atrás em 2024?

Por| Editado por Léo Müller | 21 de Janeiro de 2024 às 11h00

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Ivo Meneghel Jr/Canaltech

O Samsung Galaxy S4 4G foi lançado há pouco mais de dez anos, no segundo trimestre de 2013 e, na época, chegou ao mercado como a nova opção de celular topo de linha da Samsung. Em um período ainda sem as variantes Plus ou Ultra, este foi o celular mais avançado da linha S naquele ano.

Mas será que ele ainda funciona em 2024? Eu testei o celular flagship de 2013 e agora conto como foi a experiência mais de dez anos após seu lançamento.

Continua após a publicidade

O que não é possível usar mais no Galaxy S4?

Apesar de ter recebido um update oficial para o Android 5 — na época batizado de “Marshmallow” — a unidade que adquirimos chegou com a versão de fábrica, ou seja, o Android KitKat (ou versão 4.4). Por ser um modelo antigo, porém, o servidor para atualização não está mais disponível. 

Dessa forma, muita compatibilidade com o sistema antigo já foi encerrada. É o caso dos principais aplicativos que usamos, como WhatsApp, Instagram, X (ou Twitter), TikTok, Netflix ou Spotify. Mas o principal é que a Play Store já não funciona mais como antes, então não é possível baixar quase nada nela. 

Eu até consegui instalar esses apps listados, mas precisei baixar o apk e fazer o processo por fora da loja oficial. Ainda assim, não foi possível usá-los. Alguns pedem uma versão mais recente do Play Services — a qual não é possível instalar — e outros já informam que não são compatíveis com o celular, por ter uma versão antiga do sistema. O único app que ainda existe e consegui executar normalmente foi o jogo Subway Surfers. 

Aplicativos de bancos também não podem ser usados, já que eles requerem sempre versões mais recentes do sistema por terem mais segurança. Assim, se pensa em usar um celular antigo assim em casa só para acessar serviços de finanças, esquece. 

O que ainda funciona? 

O que ainda funciona no Galaxy S4 — ou qualquer outro celular tão antigo quanto — é o básico que se espera de um celular. Ele faz e recebe ligações, envia e recebe SMS’s e é compatível com apps nativos, como o relógio, calculadora, calendário ou o player de músicas nativo — que precisa transferir as músicas em MP3 manualmente pelo computador. 

Continua após a publicidade

O chip, por sinal, é no formato micro, ou seja, se você tem um nano SIM, vai precisar do adaptador que geralmente é enviado com o chip na hora da compra. 

Performance, câmera e bateria 

Em relação ao desempenho, o celular tem a velocidade que estamos acostumados em celulares intermediários atuais. Não é extremamente rápido, mas também não é uma carroça. É importante destacar, é claro, que não consegui baixar quase nada, então não tem muito o que avaliar. 

De qualquer forma, gostei do desempenho dele no Subway Surfers. Mas, considerando que essa é uma versão antiga do app — compatível com o Android KitKat — a avaliação não é muito justa, principalmente se for comparar com modelos atuais, que já rodam o app com mais gráficos e mais informações. 

Continua após a publicidade

A câmera, é válido lembrar, inclui apenas um sensor traseiro, de 13 MP, e um frontal, de 2 MP. É um conjunto bem básico para os padrões atuais, mas o resultado até que surpreendeu — considerando que é um modelo com mais de dez anos. 

Com condições adequadas de iluminação, é possível ter bons resultados, até mesmo com a câmera frontal. É claro que a definição não chega perto de modelos atuais, mas fica ali em um nível próximo a um celular de entrada do ano passado.

Quanto à bateria, não pude realizar o teste padrão que usamos nos nossos reviews por ter como usar apps modernos nele, mas rodei o Subway Surfers por uma hora e o consumo foi de 23%. Não é uma marca ruim, mas não dá para ter um parâmetro melhor de análise. 

Continua após a publicidade

Afinal, dá para usar um celular de 10 anos atrás em 2024?

Se você só procura um celular para realizar o básico e já tem um “parado” em casa, ele pode te atender bem. Mas por ter uma versão muito antiga do Android muito antigas, o Galaxy S4 já não serve para praticamente nada a que um smartphone se propõe. 

Continua após a publicidade

Assim, um modelo muito antigo nada mais é do que um gasto desnecessário se você estiver pensando em comprar um usado de alguém. A não ser que vá usar, de fato, só para fazer e receber chamadas, compensa mais comprar um modelo novo de entrada, que pelo menos dá acesso a aplicativos e permite usar o WhatsApp ou outros mensageiros.