Asus anuncia ROG Phone II em parceria com a Tencent

Por Rafael Arbulu | 23 de Julho de 2019 às 10h59
(Imagem: Divulgação/Tencent)
Tudo sobre

Saiba tudo sobre ROG Phone II

Ficha técnica

Enfim, revelado: a Asus anunciou, em parceria com a Tencent, o ROG Phone II, a próxima iteração de smartphones da marca voltada ao público gamer. Trazendo hardware de alta capacidade, o aparelho deve chegar ao mercado na primeira semana de setembro de 2019.

O chipset, como já era de se esperar, é o modelo mais potente da Qualcomm na atualidade, o Snapdragon 855+, tornando o RoG Phone II o primeiro no mundo a utilizar a plataforma. Outro destaque fica por conta da tecnologia Soft Iris, da Pixelwork, que oferece abrangência dinâmica na exibição de cores e pontos de iluminação. Segundo as empresas, isso traz mais contraste e mais detalhamento em momentos de tela escura ou ambientações sombrias em jogos. A Pixelworks assegura que a tecnologia pode trazer até um bilhão de tons de cor.

“Dando continuidade ao sucesso de nosso primeiro smartphone gamer, nossos leais fãs da ROG esperam nada menos que a melhor qualidade de display da linha Republic of Gamers para aprimorar a sua experiência de jogo”, disse Bryan Chang, chefe da divisão mobile da Asus. “Estamos muito contentes de dar continuidade à nossa parceria com a Pixelworks a fim de oferecer a experiência visual mais rica e precisa da indústria de jogos mobile”.

(Imagem: Divulgação/Tencent)

“Como a primeira parceira a lançar um smartphone com a nossa nova tecnologia Soft Iris, a Republic of Gamers eleva a qualidade visual para jogadores por meio de nossa precisão de cor e mapeamento de tons em HDR”, disse Anthony Gioeli, vice-presidente executivo e gerente geral de dispositivos de vídeo da Pixelworks. “Entusiastas dos jogos estão exigindo displays melhores e detalhamento visual mais realista em seus smartphones. Estamos empolgados pelo trabalho em conjunto com a ROG neste desenvolvimento e por estabelecer um novo padrão de qualidade de tela no mercado de jogos mobile”.

Os chamados air triggers (“gatilhos aéreos”, na tradução literal) são outro destaque do aparelho. Eles são uma série de sensores posicionados no lado de dentro das bordas do ROG Phone II e, a grosso modo, são como botões de ombro virtualizados. A ideia é mapeá-los em jogos que possuem controles mais detalhados, como jogos de corrida e de tiro, que contam com função específica para a mira.

(Imagem: Divulgação/Tencent)

Os air triggers funcionam por meio de tecnologia proprietária da empresa Sentons, que desenvolveu um módulo de sensor ultrassônico pareado com o seu processador SurfaceWave para trabalhar na sensibilidade dos gatilhos. Sua ativação exige um esforço mínimo — cerca de 5 gramas de pressão ou, em termos práticos, o peso de uma pitada de sal —, mas a empresa assegura que a tecnologia consegue diferenciar comandos reais de falsas inserções, evitando erros de jogabilidade. A Sentos, inclusive, estreia sua tecnologia de processamento SurfaceWave com o ROG Phone II, ambicionando levá-la posteriormente a outros smartphones e também ao setor de jogos para PC.

No que tange à ficha técnica, o ROG Phone II vem com desempenho de alto padrão: display OLED com 120Hz de frequência, GPU em overclock de 675MHz, 12 GB de memória RAM e 512 GB de armazenamento interno, câmara vaporizada para resfriamento e gerenciamento de temperatura (as ventoinhas internas são de verdade desta vez), bateria de 6.000 mAh com tecnologia de recarga ultra rápida (30W) e sistema operacional Android customizado (o mesmo do Zenfone 6).

A Asus promete lançar o aparelho no final do terceiro trimestre, mas ainda não divulgou sugestões de preço ou jogos que podem compor o lineup do smartphone.

(Imagem: Divulgação/Tencent)
(Imagem: Divulgação/Tencent)
(Imagem: Divulgação/Tencent)

Fonte: Venture Beat

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.