Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Avatar: O Último Mestre do Ar supera One Piece em audiência

Por| 28 de Fevereiro de 2024 às 10h17

Link copiado!

Divulgação/Netflix
Divulgação/Netflix
Tudo sobre Netflix

Apesar das críticas bastante divididas, a estreia de Avatar: O Último Mestre do Ar não poderia ter sido melhor para a Netflix. A adaptação live-action da clássica animação da Nickelodeon chegou ao streaming sendo um sucesso absurdo de audiência, superando até mesmo outros fenômenos recentes da plataforma, como One Piece

Segundo números divulgados pela própria plataforma, a aventura em carne e osso do garoto Aang (Gordon Cormier) liderou o ranking de produções em língua inglesa do serviço com um total de 21,2 milhões de visualizações em menos de uma semana. Com isso, o seriado que chegou com sua temporada completa de 8 episódios entrou no top 10 em 92 países — comprovando que Avatar é popular mesmo quando seus personagens não são azuis.

Continua após a publicidade

E se as estatísticas já chamam a atenção, mais impressionante ainda é ver como O Último Mestre do Ar conseguiu superar até mesmo outro live-action de sucesso da Netflix. Com esse número, a saga do jovem dobrador do ar ultrapassou One Piece, que era a série mais vista da Netflix em sua primeira semana.

De acordo com a plataforma, a estreia de Luffy e companhia na busca pelo lendário tesouro do One Piece teve um total de 18,5 milhões de visualizações em sua primeira semana. Na época, o número já tinha sido muito comemorado, principalmente por se tratar de uma adaptação que muita gente via como impossível. Pois Avatar conseguiu ir além com até certa folga.

O que está por trás do sucesso de Avatar?

E há algumas razões que ajudam a explicar por que Avatar: O Último Mestre no Ar conseguiu um melhor resultado do que One Piece. Sem entrar no mérito da qualidade de uma história ou outra, o fato é que a saga de Aang é mais popular e mais conhecida do que One Piece, pois se trata de um desenho animado exibido pela Nickelodeon em vários países, enquanto o anime é um pouco mais nichado, embora seja uma potência colossal no Japão e em outros territórios.

Além disso, o próprio sucesso de One Piece pode ter alavancado a audiência de Avatar. Como dito, os live-actions da Netflix sempre foram cercados de certa desconfiança, como Death Note e Cowboy Bebop ensinaram a duras penas. Contudo, o bom desempenho do pirata que estica nas telas pode ter feito o público acreditar mais na produção, fazendo com que mais gente tenha ido assistir ao novo título.

Curiosamente, as críticas de O Último Mestre do Ar estão bem mais divididas do que em One Piece. No caso de Avatar, tanto a imprensa especializada quanto os próprios fãs elogiam o valor de produção do seriado e o carisma de seu elenco, mas há muita gente apontando para a pobreza dos roteiros e a simplificação de algumas tramas. Por isso mesmo, o jovem Aang não vem sendo o consenso que todos imaginavam e que os números apontam.

Ao mesmo tempo, porém, é bem provável que o bom desempenho de audiência motive a Netflix a anunciar uma nova temporada em breve. A gente sabe que essa é a métrica que mais importa para o serviço, tanto que One Piece não demorou mais do que algumas semanas para ter seu segundo ano confirmado. Assim, com Avatar ultrapassando Luffy, é só uma questão de tempo para que o retorno do dobrador de ar seja anunciado.