Brasil tem primeira cidade a vacinar 100% da população adulta

Brasil tem primeira cidade a vacinar 100% da população adulta

Por Fidel Forato | Editado por Luciana Zaramela | 17 de Junho de 2021 às 19h20
twenty20photos/envato

Na campanha de vacinação contra o coronavírus SARS-CoV-2, a cidade histórica de Alcântara, no estado do Maranhão, foi a primeira a atingir a marca de 100% da população adulta vacinada pelo menos com uma dose do imunizante. A meta de imunização contra a COVID-19 foi alcançada na quarta-feira (16), segundo o governador Flávio Dino.

O município fica a 30 quilômetros de distância da capital do estado, São Luís, e tem população total estimada em pouco mais de 22 mil habitantes, segundo o IBGE. De acordo com o governador, essa taxa de imunização só foi possível porque o município recebeu milhares de vacinas destinadas à população quilombola, que era considerada prioritária no Programa Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde.

Para alavancar a imunização em outras cidades do estado, o governo local tem feito “Arraiás da Vacinação”, neste mês, a fim de atrair a população da região Metropolitana de São Luís e da cidade de Timon, a 450 quilômetros da capital. Nesses eventos, além dos festejos típicos, as imunizações contra a COVID-19 são feitas também durante a madrugada, principalmente, no esquema de drive-thru. Atualmente, podem se vacinar pessoas que fazem parte dos grupos prioritários e todos os adultos a partir de 25 anos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Cidade do maranhão é a primeira a imunizar 100% da população adulta (Imagem: Reprodução/Erika8213/Envato)

Mais vacinação em massa no BR

Pelo Brasil, taxas de imunização similar já foram obtidas em outras cidades. No entanto, elas integravam estudos científicos e o objetivo era entender a eficácia dos imunizantes no mundo real. Este é o caso de Serrana, no interior de São Paulo. Liderada pelo Instituto Butantan, a pesquisa vacinou mais de 95% da população adulta com doses da CoronaVac, em março deste ano.

Liderado pelo Ministério da Saúde e pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), outro estudo envolveu a vacinação em massa de adultos contra a COVID-19 na cidade de Botucatu, também no interior de São Paulo. Em maio, 116.085 dos 148.130 habitantes — o que equivale a 78,4% — foram vacinados com doses da Covishield (Oxford/AstarZeneca/Fiocruz).

Fonte: Agência Brasil, Correio Braziliense, Estadão e Folha de S. Paulo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.