Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Twitter vai substituir sua conta bancária, promete Elon Musk

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 30 de Outubro de 2023 às 14h17

Link copiado!

Bolívia Inteligente/Unsplash
Bolívia Inteligente/Unsplash
Elon Musk

Em uma reunião com os funcionários da rede social X (antigo Twitter), na última semana, o bilionário Elon Musk exigiu a implementação de serviços financeiros a ponto de substituir uma conta bancária convencional até o final de 2024. A proposta faz parte do plano de Musk de transformar a plataforma em superapp com múltiplas funções, ao estilo do WeChat na China.

A gravação da conversa do bilionário com a sua equipe foi obtida pelo site The Verge e mostra o otimismo do empresário em cumprir o prazo estabelecido para apresentar os novos serviços do X.

Toda vida financeira no X

Continua após a publicidade

Nessa reunião, Musk disse que as pessoas vão ficar surpresas com o potencial desses recursos e que “ficaria impressionado se eles não forem implementados até o final do próximo ano”.

A ambição do homem mais rico do mundo é alta. É evidente em seu discurso o desejo de transformar o mercado financeiro e fazer com que a plataforma X venha a substituir as contas bancárias.

“Não é só mandar US$ 20 para seu amigo. Estou falando que você não vai precisar de uma conta bancária”, disse Musk em um momento da apresentação.

Para o dono do antigo Twitter, a rede social pode incorporar todas as atividades financeiras de uma pessoa. “Quando digo pagamentos, na verdade me refiro a toda a vida financeira de alguém. Se envolver dinheiro, estará em nossa plataforma. Dinheiro ou títulos ou qualquer outra coisa”.

Atualmente, a companhia trabalha para conseguir as licenças necessárias para operar com serviços financeiros dentro dos Estados Unidos. Até o momento, nove estados americanos já deram a autorização para plataforma.

Tem potencial?

Para o CEO da desenvolvedora de tecnologia de pagamentos CashWay, Felipe Santiago, a amplitude do Twitter dá a ele uma boa chance de alcançar um grande público rapidamente, mas o sucesso da empreitada vai depender de quanto a novidade será capaz de trazer algo de novo para o mercado.

Continua após a publicidade

"Considerando que o Twitter tem uma grande base de usuários no mundo todo, a rede tem potencial para ganhar participação no mercado rapidamente, o que pode gerar uma corrida das empresas para acelerar inovações e formar alianças para competir com a novidade", comenta o executivo. "Mas é importante considerar que isso vai depenter do quão inovadora e diferenciada será essa nova oferta", pondera.

Superapp X

A intenção de Musk de criar um superapp com múltiplos serviços é antiga. Sua inspiração é o app chinês WeChat, que agrega recursos de rede social mas também é usado para fazer compras, realizar pagamentos, solicitar delivery e até pegar transporte.

Para Santiago, entretanto, o caminho do WeChat é bem diferente daquele que pode vir a ser trilhado pelo Twitter. "É importante considerar ainda que na China o WeChat se beneficiou de um ambiente regulatório diferente e o Twitter enfrentaria rigorosas regulamentações em muitos mercados, especialmente se expandisse para serviços financeiros ou outras áreas sensíveis", explica o especialista.

Continua após a publicidade

De qualquer forma, Musk nunca negou que a compra do Twitter foi uma definida pelo bilionário como um passo para a construção de um app tudo-em-um.

E a privacidade?

Um tema sensível sempre que se fala em rede social, a privacidade pode ser um ponto de preocupação na iniciativa de Musk.

Continua após a publicidade

"Ao expandir para novos serviços, uma plataforma como o Twitter estaria em posição de coletar ainda mais dados sobre seus usuários", comenta Santiago. "A combinação de informações financeiras com hábitos de mídia social poderia levar a publicidade ainda mais direcionada, levantando preocupações sobre até que ponto as empresas conhecem os usuários", finaliza.

Fonte: The Verge