Publicidade

Twitter começa a priorizar contas verificadas, anuncia Elon Musk

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 26 de Abril de 2023 às 13h14

Link copiado!

Pexels/greenwish _
Pexels/greenwish _
Tudo sobre Twitter

O dono do Twitter, Elon Musk, anunciou através de um tweet nessa terça-feira (25) que a rede social passou a priorizar as contas verificadas. O anúncio chega após uma semana movimentada na plataforma, que removeu os selos de verificação dos usuários que não assinavam o Twitter Blue para, em seguida, restaurar o check em contas de alguns famosos com mais de 1 milhão de seguidores.

Com a medida, as contas verificadas com o selo azul ganham mais destaque no feed dos usuários, aparecendo acima de seus interesses e de outros seguidores não verificados.

Musk incentiva a assinatura do Twitter Blue

Continua após a publicidade

A decisão de privilegiar as contas verificadas na plataforma não surpreende os usuários, que já esperavam esse anúncio de Elon Musk. O bilionário espera atrair mais assinantes ao serviço Twitter Blue, que atualmente soma cerca de 24 mil pagantes — com um ritmo lento de adesão.

Para anunciantes e marcas que utilizam a plataforma como meio de divulgação, a assinatura do Twitter Blue passa a ser uma necessidade para alcançar mais pessoas.

Continua após a publicidade

Na última quinta-feira (21), o Twitter removeu os selos de verificação pré-existentes de todas as contas que não assinavam o serviço pago. Porém, a medida foi bastante criticada na rede social e o selo azul foi restabelecido para algumas celebridades — com mais de 1 milhão de seguidores — no final de semana.

Entretanto, a plataforma provocou polêmica com a redistribuição compulsória do selo azul. Perfis de celebridades já falecidas apareceram como se assinassem o Twitter Blue, enquanto famosos que não desejavam ser associados com o modelo pago do serviço ganharam o check da plataforma.

A assinatura do Twitter Blue custa US$ 8 (R$ 40) mensais e, além do selo de verificação, dá direito a acesso antecipado a recursos ainda em testes e ferramentas extras, como um botão para desfazer tuítes, um sistema de leitura de notícias sem anúncios e outros recursos de personalização.