Instagram aumenta tempo limite dos Reels e oferece mais ferramentas de criação

Por Felipe Junqueira | 23 de Setembro de 2020 às 16h29
Divulgação/Instagram

O Instagram anunciou a nova função Reels, sua resposta ao TikTok, no início de agosto, e no começo de setembro começou a testar um novo layout para dar mais destaque à nova função. Agora, atendendo a pedidos, a rede social ampliou o tempo máximo de cada vídeo.

De acordo com a empresa, a partir de agora é possível fazer Reels de até 30 segundos. Para aumentar o tempo das suas publicações, basta tocar no ícone de duração no menu à esquerda na tela de criação. O número 15 será trocado pelo número 30 para informar que é possível fazer um vídeo maior.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

É bom notar que o principal rival dos Reels,o TikTok, permite a criação de vídeos de até 60 segundos, apesar de também ter começado com limite de 15. É possível que a rede social de Mark Zuckerberg chegue ao mesmo limite do principal concorrente no futuro.

A diretora de produto do Instagram Reels, Tessa Lyons-Laing, justificou a alteração como um pedido dos próprios usuários. “Continuamos aprimorando o Reels com base no feedback das pessoas e essas atualizações facilitam a criação e a edição. Embora ainda seja cedo, estamos vendo muito conteúdo criativo e divertido”, disse, em comunicado.

Reels agora permite gravação de clipes com até 10 segundos para facilitar a criação do conteúdo (Imagem: Reprodução/Divulgação/Instagram)

Além do tempo maior para soltar a criatividade, os usuários também têm uma nova ferramenta de edição, que permite estender o cronômetro para 10 segundos e cortar ou excluir qualquer trecho do vídeo. Essa é mais uma reivindicação da comunidade que deve facilitar a produção dos vídeos curtos do Instagram.

Os Reels de 30 segundos já estão disponíveis para você? Conte nos comentários.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.