Donald Trump vai lançar a sua própria rede social

Donald Trump vai lançar a sua própria rede social

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 21 de Outubro de 2021 às 12h38
Gage Skidmore/Flickr

Nesta quinta (21), o ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump confirmou que pretende lançar sua própria rede social chamada TRUTH Social. O anúncio da plataforma foi antecipado por um assessor do empresário em março deste ano, mas, ao contrário das previsões, o projeto não saiu do papel em 2021 — a expectativa, agora, é que seja lançado no primeiro trimestre do ano que vem.

Essa seria a resposta de Trump às Big Tech do Vale do Silício, acusadas por ele de terem “poder unilateral” para silenciar seus apoiadores nos Estados Unidos. A TRUTH Social promete ser um espaço para “conversas livres, abertas e honestas, sem discriminação contra nenhuma ideologia política”.

Em janeiro deste ano, as contas de Donald Trump no Facebook e no Twitter foram banidas, em consequência da invasão ao Capitólio dos Estados Unidos. As redes sociais acreditavam que o executivo aproveitava o enorme alcance para incitar a violência, prática que viola as diretrizes da comunidade de ambas as plataformas.

A rede social de Trump já tem página própria na web, mas a pré-venda só está disponível na App Store (Imagem: Reprodução/TRUTH Social)

Depois disso, o ex-presidente e seus apoiadores passaram a alegar que a moderação das redes sociais mais populares tende a ser hostil contra “vozes conservadoras”. Em julho deste ano, Trump entrou com uma ação judicial contra Facebook, Twitter e YouTube (Google) e seus respectivos CEOs, acusando-os de censura e violações de leis de liberdade de expressão estadunidenses.

A solução, portanto, seria criar uma rede social própria. Em princípio, o projeto se parece muito com o Parler, app que foi banido da Play Store, da App Store e até do Amazon Web Services após o ocorrido no Capitólio norte-americano.

TRUTH começa a funcionar em novembro

O lançamento inicial da rede social é previsto para novembro, mas somente convidados poderão compor a base de usuários. A liberação para o público geral aconteceria no primeiro trimestre de 2022.

“Estou animado para enviar meu primeiro Truth no TRUTH Social muito em breve”, comentou o ex-presidente. A plataforma é fruto da fusão da Trump Media & Technology Group e uma empresa de aquisição especial (SPAC, na sigla em inglês).

Em aparência, a rede social parece ter uma dinâmica parecida com o Twitter (Imagem: Reprodução/TRUTH Social)

Após a abertura da rede, a empresa criará um serviço de streaming chamado TMTG+, em que reunirá conteúdo sobre entretenimento, notícias e podcasts. Futuramente, a companhia espera entrar no segmento de hospedagem de sites, e assim competir com AWS e Google Cloud.

Atualmente, o aplicativo da TRUTH Social só está disponível para “pré-compra” na App Store, mas é gratuito. Não existe previsão para o lançamento da rede na loja nativa do Android.

Fonte: TRUTH Social, Engadget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.