Imagens mostram MacBook Air com notch, entrada MagSafe e construção mais fina

Imagens mostram MacBook Air com notch, entrada MagSafe e construção mais fina

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 25 de Outubro de 2021 às 10h30
Jon Prosser/Renders By Ian

Depois de os MacBooks Pro terem sido apresentados com notch na parte superior do painel frontal, é possível que o novo MacBook Air siga a mesma tendência. Além disso, o produto deverá apresentar várias mudanças estruturais, de acordo com renderizações publicadas por Jon Prosser, em parceria com o portal Renders By Ian.

As imagens mostram um notebook com inspirações em outros produtos da marca, como as laterais retas que voltaram a ser oferecidas nos iPhones. Assim como o novo MacBook Pro, ele também deverá ter entrada para carregador MagSafe, o que permite uma conexão mais prática e evita danos caso o fio seja puxado de forma brusca.

Além disso, o MacBook Air poderá ter duas entradas Thunderbolt 4 (uma em cada lado do dispositivo), porém ele não deverá oferecer suporte para eGPU, uma solução que aumentaria a potência gráfica do produto por meio de um componente externo. Em uma das laterais, o notebook ainda tem uma porta 3,5 mm para fones de ouvido ou cabo auxiliar. 

Notch deverá aparecer também no MacBook Air (Imagem: Jon Prosser/Renders By Ian)

Com uma construção ainda mais fina do que o MacBook Air atual, a nova geração deverá dispensar o uso de ventoinhas mesmo em tarefas mais pesadas, já que o chip M2 deverá ter um alto nível de performance com baixo consumo de energia e pouca geração de calor. É provável que o produto seja disponibilizado em várias opções de cores, assim como acontece nos smartphones da companhia, e mais recentemente nos iMacs — os novos notebooks também deverão herdar as bordas brancas ao redor do display. 

O MacBook Air também terá tela com tecnologia Mini LED, assim como o recém lançado MacBook Pro. Portanto, é possível esperar melhores níveis de precisão nas cores do display, capacidade para brilho mais forte e maior aproveitamento de energia, o que resultará em uma autonomia de bateria mais alta.

Entrada MagSafe deverá ficar na lateral esquerda do notebook (Imagem: Jon Prosser/Renders By Ian)

O produto também virá com o chip M2 equipado, que deverá ser voltado para a eficiência energética, com algumas melhorias de performance em relação ao M1 do MacBook Air vendido atualmente — porém, ainda não se sabe como ele se posicionará em relação aos recém lançados M1 Pro e M1 Max. 

O MacBook Air M2 deverá ser apresentado de forma oficial somente em 2022. Porém, como a produção em massa do notebook deverá começar no terceiro trimestre do ano que vem, é provável que o lançamento aconteça em uma data mais próxima de 2023 — de acordo com fontes internas, a Apple estaria com dificuldades para encontrar fornecedores específicos para a tela Mini LED e os chips M2. 

Fonte: FrontPageTech

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.