PIX | Sistema de pagamentos do Banco Central tem adesão de 980 instituições

Por Claudio Yuge | 17 de Junho de 2020 às 23h40
Banco Central

O Banco Central promete lançar em novembro sua própria solução de pagamentos digitais, a exemplo de opções como o WhatsApp Pay, entre outros. E, até esta semana, 980 instituições financeiras solicitaram adesão ao PIX, com 120 dessa lista pleiteando a participação direta — isso permite que as transações sejam realizadas no Sistema de Pagamentos Instantâneos (SPI) do governo.

As demais 860 empresas devem entrar como participantes indiretos, que necessitam de um representante para intermediar e armazenar os recursos — no Brasil, todas as instituições financeiras com mais de 500 mil contas transacionais ativas são obrigadas a serem parceiros diretos. De acordo com o Banco Central, devem oferecer os pagamentos instantâneos os cinco maiores bancos brasileiros (Banco do Brasil, Caixa, Bradesco, Itaú e Santander), vários bancos digitais (BS2, C6, Inter, Original e Nubank), carteiras digitais (Mercado Pago, PagSeguro, PayPal e PicPay) e redes como Cielo, Rede, Stone e SumUp.

Os 620 participantes indiretos são filiados a bancos cooperativos e a confederações, federações e centrais de crédito. Agora, o próximo passo é realizar o processo de homologação dos interessados a tempo do lançamento do serviço no final do ano.

Fonte: Mobile Time  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.