Mercado Livre pretende abrir mais de 4 mil vagas no Brasil em 2022

Mercado Livre pretende abrir mais de 4 mil vagas no Brasil em 2022

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Claudio Yuge | 04 de Maio de 2022 às 20h54
Divulgação/Mercado Livre

O Mercado Livre anunciou, na quarta-feira (4) em comunicado, que pretende contratar no Brasil mais de 4 mil profissionais de diversas áreas em 2022. Com isso, a empresa superará a marca de 16 mil funcionários, com um crescimento de 31% em relação a 2021.

Patrícia Monteiro de Araújo, diretora de pessoas da empresa, afirma que as novas oportunidades no Mercado Livre são principalmente direcionadas para áreas de tecnologia, fintech e logística, e serão distribuídos entre diferentes equipes tanto da plataforma de pagamentos da organização, o Mercado Pago, quanto o próprio Mercado Livre.

As vagas serão preenchidas ao passo que a operação do Mercado Livre chegar a novas cidades, em processo gradativo até o fim do ano. As oportunidades disponíveis podem ser conferidas na página de Carreiras da empresa.

Contratações do Mercado Livre acontecerão em toda América Latina

O Mercado Livre contratará funcionários em toda América Latina. (Imagem: André Magalhães/Canaltech)

O Mercado Livre não planeja contratações somente em solo brasileiro. Ao todo, a empresa pretende contratar mais de 14 mil profissionais em países latino-americanos, visando ultrapassar os 44 mil trabalhadores em sua operação global.

“Vamos contratar em outro seis países da América Latina, mas, dentro desse contexto, o Brasil é o país mais relevante. Temos um comprometimento e um investimento aqui para impactar a economia e potencializar a empregabilidade”, afirma Araújo.

As contratações se juntam a diversas outras iniciativas do Mercado Livre focados em crescimento do negócio, como a criptomoeda própria da empresa e também a disponibilidade no aplicativo do Mercado Pago da compra e venda de ativos digitais.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.