Publicidade

Nível da água pode superar recorde no RS, chegando a 5,5 m

Por| Editado por Luciana Zaramela | 13 de Maio de 2024 às 13h41

Link copiado!

Gustavo Mansur/Palácio Piratini/CC BY-NC 2.0 DEED
Gustavo Mansur/Palácio Piratini/CC BY-NC 2.0 DEED

Para esta semana, a previsão é que as chuvas e os temporais continuem no Rio Grande do Sul. Com isso, especialistas estimam que o nível de água no lago Guaíba, na região de Porto Alegre, pode superar a máxima histórica, alcançando 5,5 m de altura. Até o momento, a maior altura já registrada é de 5,3 m.

"Todos os cenários de previsão reafirmam cheia duradoura [do lago Guaíba] e confirmam o repique da cheia com nova elevação de níveis para acima de 5 m [de altura]”, afirma projeção do Instituto de Pesquisas Hidráulicas (IPH), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), compartilhada nesta segunda-feira (13).

Se as previsões se confirmarem, as enchentes e alagamentos em Porto Alegre devem demorar mais de 10 dias para serem controlados. Afinal, as inundações na região ocorrem quando a água do Guaíba ultrapassa os 3 m. Independente do cenário observado, a queda para este nível não deve ocorrer até o dia 22 de maio.

Continua após a publicidade

Nível do Guaíba e novas enchentes 

"Os níveis do Guaíba seguem elevados em torno de 4,9 m”, afirmam os especialistas do IPH. No entanto, a altura ainda pode chegar a 5,5 m a partir desta segunda, o que supera as alturas já observadas durante a atual onda de enchentes. Este valor também supera o recorde da cheia histórica de 1941, com 4,76 m. 

O valor do nível máximo a ser atingido entre segunda e terça-feira depende da ocorrência das chuvas adicionais previstas e vento sul forte, podendo alcançar em torno de 5,5 m.

A seguir, confira as projeções para o nível da água no Guaíba, no Rio Grande do Sul:

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

"Considerando a elevada duração prevista e o repique da cheia, recomenda-se manter a atenção a todas as áreas de risco, incluindo aquelas em que a inundação teve redução”, completam. Há risco de novas enchentes e inundações.

Alerta da Defesa Civil do RS

Em nota, a Defesa Civil do Rio Grande do Sul confirma o risco do nível de água do Guaíba aumentar novamente, em um repique. "Regiões já inundadas continuarão em elevação, podendo atingir e, até mesmo, ultrapassar os níveis registrados recentemente, entre terça e quarta-feira, em razão das chuvas intensas”, afirma a entidade, em nota.

Continua após a publicidade

Dessa forma, medidas de proteção são importantes para proteger a vida dos moradores locais. "Não retorne a locais inundados, fique em segurança até que o nível das águas baixe”, orienta a Defesa Civil. "Se precisar sair de sua casa, faça-o de maneira ordenada e antecipadamente”, acrescenta.

Para receber informações sobre os abrigos públicos, quais locais são mais seguros e conhecer possíveis rotas de fuga, a indicação é entrar em contato com a Defesa Civil, através do telefone 190/193.

Fonte: IPH e Defesa Civil do RS