Western Digital confirma problemas em SSD Blue SN550 e garante troca a usuários

Western Digital confirma problemas em SSD Blue SN550 e garante troca a usuários

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 27 de Agosto de 2021 às 15h55
Renan da Silva Dores/Canaltech

A escassez global de chips tem causado sérios problemas nos mais diversos segmentos de eletrônicos, passando por componentes para PCs e chegando até mesmo à produção de veículos. Entre os setores afetados, também está incluso o de memórias e armazenamento, do qual empresas como Samsung, ADATA e Crucial são algumas das principais fabricantes.

Mediante a falta de semicondutores, todas as companhias citadas tiveram de realizar ajustes e substituir a matéria-prima de produtos como SSDs para continuar atendendo a demanda de consumidores. Testes recentes revelaram que, apesar das modificações, o desempenho das versões revisadas desses produtos não chegou a ser bruscamente afetado.

Outra fabricante forçada a substituir componentes foi a Western Digital, especificamente com o SSD WD Blue SN550. Tido como uma das opções mais equilibradas, com performance elevada e baixo custo, o modelo teve as memórias substituídas, mas foi na contramão de concorrentes ao sofrer sérias perdas de desempenho, como mostram análises dos sites Expreview, Ars Technica e Tom's Hardware.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Western Digital confirma mudanças e garante troca a usuários

Menos de uma semana após a descoberta dos problemas de desempenho da versão revisada do SN550, a Western Digital entrou em contato com os portais Ars Technica e ExtremeTech confirmando a situação.

Segundo o porta-voz da fabricante, a substituição ocorreu em modelos fabricados a partir de junho de 2021, e foi refletida na ficha de especificações do SSD. O representante também confirmou o compromisso da empresa com a transparência, e revelou que modificações serão feitas na identificação dos modelos revisados.

A Western Digital confirmou as mudanças que afetam o desempenho do WD Blue SN550, e se comprometeu a compensar os consumidores que se sentirem lesados (Imagem: Reprodução/Western Digital)

Para maior transparência de agora em diante, se fizermos uma mudança em um SSD já lançado, nos comprometemos a introduzir um novo número de modelo sempre que qualquer especificação publicada for impactada. Valorizamos nossos consumidores e estamos comprometidos em fornecer as melhores soluções possíveis para suas necessidades de armazenamento de dados.

Questionado a respeito dos consumidores que adquiriram a versão afetada do disco, o porta-voz garantiu que usuários ainda cobertos pela garantia que se sentirem afetados pela mudança e quiserem ter o armazenamento substituído podem entrar em contato com o time de Atendimento ao Consumidor da Western Digital.

Entenda o caso

A versão revisada do SN550 foi descoberta inicialmente pelo Expreview, que percebeu que os chips de memória utilizados no modelo que adquiriu possuíam números de modelo diferentes da versão do SSD lançada originalmente. Também foram encontradas mudanças no firmware, com uma versão de software completamente diferente e incompatível com discos mais antigos.

Os testes revelaram que o desempenho geral foi mantido, mas em cargas de trabalho pesadas, que enchessem o cache SLC de 12 GB, a performance caiu mais de 50% — dos 2.600 MB/s prometidos, a variante modificada atingia apenas 360 MB/s, queda excessivamente brusca mesmo para SSDs de entrada.

Com o cache SLC cheio, o SN550 revisado performa de maneira similar a um WD Green SN350, um dos modelos mais básicos da WD (Imagem: Reprodução/Tom's Hardware)

É importante ressaltar que usuários mais casuais, que utilizem o SSD para armazenar arquivos mais básicos ou mesmo para jogar games menos exigentes não devem notar diferenças, já que dificilmente lotariam o cache de 12 GB. Apenas consumidores que lidam com transmissão constante de arquivos enormes, como editores de vídeo, sentiriam a perda.

Ainda assim, os principais problemas estão na falta de transparência da empresa e no preço, que se manteve apesar das reduções. Felizmente, a resposta relativamente rápida da Western Digital já sinaliza tentativas de mudança na postura para futuros produtos, ainda que nos reste aguardar para conferirmos se a companhia está de fato comprometida com a nova atitude.

Fonte: ExtremeTech

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.