Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Intel apresenta CPUs Raptor Lake Refresh de 14ª geração com poucas novidades

Por| 16 de Outubro de 2023 às 10h00

Link copiado!

Divulgação/Intel
Divulgação/Intel
Tudo sobre Intel

A Intel anunciou nesta segunda-feira (16) seus novos processadores Raptor Lake Refresh. Especuladas e alvo de muitos vazamentos nas últimas semanas, as CPUs de 14ª geração chegam para confirmar praticamente todos os rumores que vinham circulando até agora.

O maior deles é que essa nova família de processadores Intel não traz nenhuma grande novidade em termos de engenharia e arquitetura. Os componentes são basicamente os mesmos que os da 13ª geração, já que a maioria das mudanças foram feitas a nível de processo de fabricação.

Em apresentação à imprensa, o vice-presidente e gerente geral da Intel para soluções de alto desempenho e workstations, Roger Chandler, admitiu que a companhia investiu seus esforços em refinar o processo de fabricação em 10nm, chamado de Intel 7, que agora chegou ao seu estágio final e a partir de 2024 abrirá espaço para a litografia de 7nm. Graças a isso, no geral o time azul conseguiu trazer processadores com clocks de até 6 GHz em boost e performance até 54% superior em situações específicas de uso.

Continua após a publicidade

Core i7-14700K: o grande vencedor

Muito se especulou sobre a possibilidade de a Intel finalmente fazer o Core i3 saltar dos 4 para os 6 núcleos. Isso representaria um grande ganho de desempenho na linha de entrada da marca e colocaria a concorrência em apuros, já que os Ryzen 5 da AMD têm 6 cores há muito tempo. Findou que a mudança não aconteceu e os esforços da companhia foram direcionados para outro modelo.

O Core i7-14700K foi o escolhido pela Intel para receber as maiores melhorias da linha Raptor Lake Refresh. Os ajustes e refinamento na arquitetura fizeram o modelo ganhar mais 4 núcleos de eficiência, saindo de 16 núcleos híbridos (8+8) e 24 threads para 20 núcleos híbridos (8+12) e 28 threads, e alcançar 5,6GHz de clock — 200 MHz a mais que o Core i7-13700K. Com a adição de núcleos, o cache L3 também foi aprimorado, saltando de 30MB para 33MB.

Com isso, o Core i7-14700K estreita ainda mais a diferença para o Core i9-14900K, tanto em termos de especificações técnicas quanto em desempenho. Em outras palavras, ele deve chamar ainda mais a atenção de quem quer uma nova CPU para jogar, criar conteúdo e atividades profissionais de alto desempenho, mas sem gastar tanto para comprar o topo de linha.

Raptor Lake Refresh: novidades incrementais

Fora o salto técnico apresentado pelo Core i7-14700K, os novos Intel Raptor Lake Refresh têm apenas novidades incrementais. Em média, os processadores ganharam 200MHz a mais de clock e agora vêm com suporte nativo a Wi-Fi 7 e Bluetooth 5.4, Thunderbolt 5.0 e USB 3.2 Gen 2x2 de 20 Gbps.

Continua após a publicidade

Nota do editor: a Intel voltou atrás e afirmou que os Raptor Lake Refresh não oferecerão suporte ao Thunderbolt 5.0. Segundo a companhia, alguns processadores da 14ª geração terão, sim, suporte à interface, mas não será o caso dos novos modelos para desktop. Apesar de não ter explicado com mais exatidão, nem ter mencionado quais CPUs serão essas, é bastante óbvio que a empresa está se referindo aos Intel Core Ultra, também conhecidos como Meteor Lake, que chegarão para notebooks em 14 de dezembro. A companhia prometeu fornecer mais detalhes em breve.

O Application Performance Optimization (APO) é outra novidade empregada pela Intel na 14ª geração. Em conjunto com as tecnologias Dynamic Tuning e Thread Director, ele consegue direcionar, em tempo real, os recursos para o núcleo correto afim de extrair ainda mais desempenho dos processadores em games.

Os novos processadores Intel Raptor Lake Refresh seguem compatíveis com memórias DDR4, mas quem quiser extrair ainda mais desempenho poderá empregar módulos DDR5 de mais de 8.000 MT/s no setup. E se isso não for suficiente, a companhia anunciou que agora o Extreme Tuning Utility (XTU) faz overclocking automático com o auxílio de Inteligência Artificial. Com a novidade, o objetivo é que a ferramenta seja mais assertiva e ofereça opções fáceis de incrementar o clock do processador com apenas um clique.

Neste primeiro momento, o XTU com o auxílio de IA está limitado ao Core i9-14900K/KF, mas a Intel prometeu expandir a funcionalidade para os demais processadores da linha K de processadores da 14ª geração.

Continua após a publicidade

Fora isso, os novos processadores mantêm o suporte a placas-mãe com chipset série 600 e 700 e soquete LGA-1700. Em outras palavras, hoje quem tem CPUs Intel de 12ª e 13ª geração poderá atualizar para a 14ª geração e reaproveitar todo o restante do setup.

Intel Raptor Lake Refresh de 14ª geração
Core i9-14900KCore i9-14900KFCore i7-14700KCore i7-14700KFCore i5-14600KCore i5-14600KF
Núcleos24 (8+16)24 (8+16)20 (8+12)20 (8+12)14 (6+8)14 (6+8)
Threads323228282020
Cache L336 MB36 MB33 MB33 MB24 MB24 MB
Cache L232 MB32 MB28 MB28 MB20 MB20 MB
Thermal Velocity BoostAté 6,0 GHzAté 6,0 GHzN/AN/AN/AN/A
Turbo Boost MaxAté 5,8 GHzAté 5,8 GHzAté 5,6 GHzAté 5,6 GHzN/AN/A
P-Core Max BoostAté 5,6 GHzAté 5,6 GHzAté 5,5 GHzAté 5,5 GHzAté 5,3 GHzAté 5,3 GHz
E-Core Max BoostAté 4,4 GHzAté 4,4 GHzAté 4,3 GHzAté 4,3 GHzAté 4,0 GHzAté 4,0 GHz
P-Core clock base3,2 GHz3,2 GHz3,4 GHz3,4 GHz3,5 GHz3,5 GHz
E-Core clock base2,4 GHz2,4 GHz2,5 GHz2,5 GHz2,6 GHz2,6 GHz
Vídeo integradoUHD Graphics 770N/AUHD Graphics 770N/AUHD Graphics 770N/A
Linhas PCIe202020202020
Velocidade máx RAM

DDR5 5.600 MT/s

DDR4 3.200 MT/s

DDR5 5.600 MT/s


DDR4 3.200 MT/s

DDR5 5.600 MT/s


DDR4 3.200 MT/s

DDR5 5.600 MT/s


DDR4 3.200 MT/s

DDR5 5.600 MT/s


DDR4 3.200 MT/s

DDR5 5.600 MT/s


DDR4 3.200 MT/s

Máx capacidade RAM192 GB192 GB192 GB192 GB192 GB192 GB
Consumo base125 W125 W125 W125 W125 W125 W
Consumo turbo253 W253 W253 W253 W181 W181 W
PreçoUS$ 589US$ 564US$ 409US$ 384US$ 319US$ 294

Desempenho dos Raptor Lake Refresh

Em apresentação para a imprensa, a Intel exibiu gráficos de desempenho dos novos Raptor Lake Refresh tanto para games quanto para produtividade.

Continua após a publicidade

No comparativo preparado pela fabricante, o Core i9-14900K tem até 23% mais desempenho em comparação com o AMD Ryzen 7950X3D enquanto consegue entregar taxas de quadro por segundo até 21% superiores em jogos como Metro Exodus e Starfield. Na média, porém, o ganho real é bem mais discreto: apenas 2%.

Para criadores de conteúdo, os testes compararam tanto o Core i7-14700K quanto o Core i9-14900K com o AMD Ryzen 9 7950X. Nessa bateria específica, o i5 conseguiu resultados até 14% superiores que o rival da AMD, enquanto o i9 entregou até 17% mais performance. Na média, entretanto, os ganhos foram de 3,8% e 9,5%, respectivamente.

Continua após a publicidade

No comparativo intergeração, o novo Core i7 teve desempenho até 63% superior em relação ao i7-12700K de dois anos atrás e 22% em comparação com o i7-13700K no After Effects.

Por fim, numa comparação menos simétrica para medir as capacidades multitasking do Core i9-14900K, a Intel colocou o componente lado a lado com o Ryzen 9 7950X3D para editar um vídeo em 8K enquanto outro era renderizado em upscaling. O resultado foi um desempenho 54% superior em relação ao rival.

Sentiu falta do comparativo intergeração em jogos? Pois é, a Intel não o apresentou. Mesmo assim, numa sessão de perguntas e respostas após apresentação à imprensa, a companhia confirmou o que muita gente vinha especulando há algum tempo: o salto de desempenho in-game entre a 13ª e 14ª geração é "inferior a dois dígitos", ou seja, de menos de 10%.

Continua após a publicidade

Preço e disponibilidade

Com uma estratégia bastante discreta, a Intel confirmou que os novos processadores Raptor Lake Refresh de 14ª geração chegam às lojas nesta terça-feira (17). Repetindo 2022, novamente apenas 6 modelos serão disponibilizados para o público neste primeiro momento.

De acordo com a companhia, a ideia é focar primeiro no público entusiasta, profissionais e produtores de conteúdo e gamers que buscam alto desempenho e querem atualizar o setup agora. As demais CPUs da família serão anunciadas no primeiro trimestre de 2024, provavelmente durante a CES.

Contrariando uma série de boatos de aumento de preços, os novos processadores Intel Core de 14ª geração mantêm as mesmas etiquetas da 13ª geração, partindo de US$ 294 com o i5-14600KF e chegando a até US$ 589 com o i9-14900K.

Continua após a publicidade

No Brasil, as novas CPUs Raptor Lake Refresh da Intel ainda não tiveram seus preços oficializados.