Intel anuncia CPUs de 11ª geração de alto desempenho para notebooks gamer

Intel anuncia CPUs de 11ª geração de alto desempenho para notebooks gamer

Por Jones Oliveira | 11 de Maio de 2021 às 08h00
Divulgação/Intel

Depois de muitos rumores e vazamentos, a Intel confirmou nesta terça-feira (11) que está pronta para lançar sua nova linha de processadores de 11ª geração. Diferentemente dos processadores mobile apresentados em setembro de 2020, os chamados Tiger Lake-H são focados em desempenho e chegam para equipar, principalmente, notebooks gamer e de alta performance.

Em apresentação à imprensa, a companhia detalhou as especificações dos novos componentes. A nível de arquitetura e engenharia, eles se aproveitam das mesmas melhorias dos Tiger Lake-U apresentados no ano passado. Ou seja: essas novas CPUs são fabricadas em litografia de 10nm, vêm com os novos núcleos Willow Cove e empregam os novos transistores SuperFin. O que chama atenção aqui é que, embora os novos processadores alcancem os 5,0 GHz de frequência, isso ainda está abaixo do que vimos nos Comet Lake-H, que alcançavam 5,3 GHz. Apesar disso, a fabricante garante que o conjunto de novidades entrega melhorias de IPC e, portanto, de desempenho e eficiência — em outras palavras, os Tiger Lake-H conseguem fazer mais com menos.

Die shot dos novos Tiger Lake-H para notebooks gamer e de alto desempenho
Die shot dos novos Tiger Lake-H para notebooks gamer e de alto desempenho (Imagem: Divulgação/Intel)

Desempenho

Prova disso é que, segundo a Intel, os novos processadores apresentam ganhos de 19% em desempenho multithread e seguem sendo as CPUs mais rápidas do mercado mobile em matéria de desempenho single thread. Rodando jogos, a diferença de performance chega a ser de 21% no comparativo entre o Core i9-11980HK e o Core i9-10980HK, ambos modelos topo de linha de suas famílias. No confronto direto com o Ryzen 9 5900HX, a Intel afirma que os ganhos do Core i9-11980HK são ainda maiores: até 26%.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

No segmento intermediário, o confronto entre o Core i5-11400H e o Ryzen 9 5900HS é bem mais acirrado e, tecnicamente, o processador da Intel entrega desempenho parelho ao rival da AMD. Porém, o grande diferencial, segundo a fabricante, é que seu modelo tem TDP máximo de 65W contra 80W do concorrente — 18,5% a menos. No comparativo intergeração, vemos uma redução semelhante: os Comet Lake-H tinham TDP base de 45W contra 35W desta nova geração — redução de 22%. A única ressalva é o Core i9-11980HK, que saltou para 65W de TDP base e pode chegar a 130W em full load.

Para além dos jogos, a Intel apresentou números que demonstram ganhos de desempenho em rotinas de trabalho nos segmentos de produtividade e criatividade. No comparativo intergeração, o incremento de performance foi de até 22% em processamento de fotos; já no comparativo com a concorrência, a diferença foi de 24% a favor dos Intel Core de 11ª geração.

Obviamente esses resultados favorecem os componentes da fabricante e só teremos certeza se os ganhos são reais quando pudermos conduzir os testes aqui no Canaltech. Ainda assim, o prognóstico é positivo, tendo em vista que já testamos notebooks equipados com Tiger Lake-U e os ganhos de performance em relação aos Comet Lake foram notáveis.

Recursos e melhorias

A Intel também promoveu outras melhorias e adições aos novos componentes. Talvez um dos mais importantes seja, finalmente, a adição de suporte a PCIe 4.0: ao todo, são 20 linhas de comunicação direta com o processador que podem ser personalizadas pelas OEM. Na configuração padrão, 16 dessas linhas são destinadas à comunicação com o novo chip gráfico integrado Iris Xe com 32 unidades de execução e as quatro restantes são destinadas ao SSD NVMe. Na configuração alternativa, a fabricante pode destinar oitos linhas PCIe 4.0 para o chip gráfico e repartir as oito restantes em dois lotes de quatro, totalizando três lotes de quatro para dispositivos de armazenamento e periféricos que exigem comunicação direta com a CPU.

Os novos processadores também trazem suporte a Thunderbolt 4 para conexão de monitores, periféricos e acessórios, entregando até 40Gbps de largura de banda; Intel Killer Wi-Fi 6E integrado e suporte a memórias Intel Optane H20 de alto desempenho e capacidade. Por fim, a fabricante confirmou suporte a memórias DDR4-3200, embora tenha confirmado que as fabricantes podem despachar notebooks com pentes operando acima disso.

Lineup de processadores Intel Tiger Lake-H de 11ª geração para notebooks gamer e de alto desempenho
Lineup de processadores Intel Tiger Lake-H de 11ª geração para notebooks gamer e de alto desempenho (Imagem: Divulgação/Intel)

Disponibilidade

De acordo com a Intel, os Tiger Lake-H estarão presentes em cerca de 80 modelos de notebooks gamer e de alto desempenho a partir do terceiro trimestre de 2021. O lançamento dos equipamentos, obviamente, depende de fabricantes parceiras da empresa, incluindo Acer, Dell, Lenovo e HP, que têm atuação no Brasil. Anúncios e datas oficiais devem surgir nos próximos dias e/ou semanas.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.