Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

AMD Strix Point | Processador com núcleos híbridos aparece em aplicativo

Por| Editado por Jones Oliveira | 10 de Agosto de 2023 às 11h00

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/ Canaltech
Ivo Meneghel Jr/ Canaltech
Tudo sobre AMD

De acordo com informações do site PerformanceDatabases, as APUs Strix Point da AMD realmente devem utilizar núcleos híbridos. O site obteve imagens dos softwares CPU-Z e HWiNFO que mostram as diferenças presentes nos novos cores Big.Little.

O HWiNFO e o CPU-Z são alguns dos melhores aplicativos para monitoramento de dados em um computador, mas, por se tratar de um chip ainda em estágio de desenvolvimento, as informações não foram totalmente inseridas.

O que mais chama a atenção é a contagem de núcleos. A unidade possui quatro núcleos de performance, possivelmente utilizando a arquitetura Zen 5 tradicional, e oito núcleos de eficiência. Estes últimos devem ser núcleos Zen 5c, focados em densidade de threads.

Continua após a publicidade

Por falar nas threads, cada tipo de núcleo possui hyper-threading. Assim, tanto os cores de performance quanto os de eficiência têm duas threads para cada núcleo físico, totalizando 24 linhas de instruções.

A respeito da quantidade de cache, o nível L1 é registrado com apenas 48 KB; o cache L2 é de 1 MB para cada núcleo Zen 5 e há mais 1 MB para ser compartilhado de forma coletiva com todos os núcleos Zen 5c. O HWiNFO registra 8 MB de cache L3, mas é possível que esse número aumente até a versão final.

Frequências de 8 Ghz não são reais

No CPU-Z consta que essa APU Strix Point está rodando a 2,9 Ghz, enquanto o HWiNFO mostra clocks absurdos de até 8,0 Ghz. Isso, definitivamente, é um erro no sistema, já que nenhum processador doméstico está perto de chegar nessa marca.

Vale salientar que, embora o vazamento pareça real, o PerformanceDatabases não traz o mesmo grau de confiança que outros informantes já apresentaram. Portanto, o ideal é esperar até que um anúncio oficial seja feito por parte da AMD.

Aliás, isso deve demorar a acontecer. As APUs Strix Point, que ainda devem receber a revisão do RDNA 3.5, só serão lançadas no fim de 2024. Até lá, muito ainda pode mudar, já que o nome dos processadores diz "AMD Eng Samples", ou seja, Unidades de Engenharia, indicando o desenvolvimento em progresso.

Continua após a publicidade

Fonte: PerformanceDatabases