PlayStation terá serviço como Xbox Game Pass, diz site

PlayStation terá serviço como Xbox Game Pass, diz site

Por Lucas Arraz | Editado por Bruna Penilhas | 03 de Dezembro de 2021 às 15h13
Reprodução/Montagem/Canaltech

A Sony pode estar planejando um novo serviço de assinatura para os consoles PlayStation. O objetivo da empresa seria competir com o Xbox Game Pass. O projeto, que atenderia pelo codinome Spartacus, permitiria que jogadores pagassem uma taxa mensal para ter acesso a um catálogo de títulos modernos e clássicos no PlayStation 4 e também no PlayStation 5.

A informação, divulgada nesta sexta-feira (3) pelo site Bloomberg, foi obtida a partir de fontes anônimas ligadas à empresa e não possuem qualquer confirmação por parte da Sony. De acordo com os rumores, o projeto Spartacus seria lançado entre março e maio de 2022, unindo os dois serviços já existentes da Sony: PlayStation Plus e PlayStation Now.

O serviço contaria com três possíveis planos de assinatura. O mais barato, incluiria os benefícios da PS Plus, com algumas novidades. A segunda opção daria acesso a uma selação de jogos de PS4 e PS5, assim como a PS Plus Collection no PS5. 

A assinatura premium do serviço, segundo os rumores, entregaria um pedido antigo feitos por donso de consoles PlayStation: retrocompatibilidade com uma seleção de jogos clássicos de PS1, PS2 e PS3. Atualmente, o PS5 consegue executar nativamente 99% da biblioteca do PS4, mas não suporta títulos de gerações anteriores

Caso a existência do Spartacus se confirme, o que pode ficar de fora do serviço é a inclusão de exclusivos da Sony no cátalogo já no dia do lançamento. A estratégia adotada pela Microsoft com exclusivos no Xbox Game Pass já foi refutada diversas vezes pelo chefe da divisão PlayStation, Jim Ryan, e citada novamente como fora dos planos da Sony pela Bloomberg.

O PlayStation Plus é o serviço da Sony que oferece jogos gratuitos todos os meses, além de acesso a partidas onlines em títulos comprados para o console. Já o PlayStation Now, não disponível no Brasil, permite jogar aventuras via streaming, a partir de um catálogo de games que é constantemente atualizado.

PS5 (na imagem) e PS4 podem receber serviço como Xbox Game Pass no futuro, diz reportagem (Imagem: Kerde Severin/Unsplash)

Documentos obtidos ​​pela Bloomberg ainda sugerem que a Sony planeja manter a marca PlayStation Plus, mas descontinuar o PlayStation Now no futuro.

Chefe da divisão PlayStation, Jim Ryan já classificou um serviço como o Xbox Game Pass na Sony como “insustentável”. No entanto, em uma entrevista ao portal russo TASS em novembro de 2020, o executivo mudou o tom ao ser questionado novamente sobre o tema. “Há novidades por vir, mas não hoje. Temos o PlayStation Now, que é nosso serviço de assinatura e está disponível em vários mercados", revelou Ryan.

Crunchyroll na PS Plus

Outro rumor que circulou pela imprensa em agosto deste ano, também aponta para o possível plano da Sony de turbinar seu setor de serviços. A PlayStation Plus pode incluir a assinatura da Crunchyroll como benefício do serviço no futuro.

Rumor diz que assinatura da Crunchyroll pode ser adicionada a PS Plus (Imagem: Ariane Velasco/Canaltech)

As primeiras pistas da inclusão de animes na PS Plus foram reportadas quando a Sony anunciou a compra da Funimation e agora voltaram com a conclusão da aquisição da Crunchyroll pela empresa. A japonesa confirmou a compra do Crunchyroll da AT&T por US$ 1,175 bilhão — cerca de R$ 6,16 bilhões na cotação atual — nesta segunda-feira (09).

O que é Xbox Game Pass?

O Xbox Game Pass é o serviço de assinatura de jogos da Microsoft que conta com um catálogo com mais de 100 títulos para o Xbox One, Xbox Series X|S e PC. A biblioteca do serviço inclui franquias de sucesso da empresa e, dependendo do tipo de assinatura, pode incluir o Xbox Live Gold e o EA Play.

Atualmente, o serviço atingiu a marca de 18 milhões de assinantes e está presente em 41 países no mundo. Quer saber se vale a pena assinar o Xbox Game Pass? O Canaltech separou para você informações sobre catálogo e títulos, plataformas disponíveis e valores das assinaturas.

Fonte: Bloomberg

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.