Novo Call of Duty será uma “experiência de nova geração”

Novo Call of Duty será uma “experiência de nova geração”

Por Felipe Demartini | Editado por Jones Oliveira | 05 de Maio de 2021 às 17h39

Que um novo Call of Duty chegaria no final deste ano, todo mundo já sabia, mas agora a Activision confirmou que o game está sendo produzido como uma “experiência de nova geração”. Esta foi a frase que definiu o novo game no relatório fiscal da companhia divulgado nesta semana. O documento também confirmou a desenvolvedora Sledgehammer Games como a capitã do projeto.

Os detalhes específicos sobre o game, entretanto, não foram revelados, com a companhia indicando que as primeiras informações serão divulgadas em breve. Os rumores apontam para um retorno à Segunda Guerra Mundial, algo que coincide com a confirmação de que a Sledgehammer (de Call of Duty WWII) está liderando o projeto — outros boatos, entretanto, falam de um jogo situado em uma linha do tempo alternativa, com uma abordagem semelhante à vista no recente Modern Warfare, por exemplo.

Seja como for, a ideia da produtora e da distribuidora é aproveitar ao máximo os recursos da nova geração de consoles, algo que já havia sido abordado no último lançamento, Call of Duty: Black Ops - Cold War, de 2020. Isso se traduz em uma taxa de quadros de 120 FPS, uso do Ray Tracing para uma iluminação mais realista e funcionalidades extras para o controle do PlayStation 5, por exemplo, que traz sistemas de feedback tátil que torna o uso de armas mais realista.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A Activision não falou diretamente sobre as versões para PlayStation 4 e Xbox One, mas é bastante seguro imaginar que eles também receberão o novo jogo. Além disso, uma indicação nesse sentido foi dada quando a Activision afirma que o novo Call of Duty deve se integrar ao ecossistema atual da franquia — ou seja, atualizações de conteúdo estão confirmadas para Warzone, modo multiplayer gratuito que conversa diretamente com os games principais da franquia e está disponível nos videogames anteriores.

A série foi um grande motor de crescimento para a Activision, que registrou recorde no primeiro trimestre de 2021, com resultados melhores do que os já bastante altos que eram esperados. A franquia Call of Duty, por exemplo, levou a um crescimento de 72% no faturamento, também motivado pela versão mobile do título, citada ao lado de Warzone como experiências transformadoras para a franquia.

Na soma de todos os produtos da empresa, foram mais de US$ 2,27 bilhões em faturamento apenas nos primeiros três meses deste ano, um resultado 17% superior ao registrado no mesmo período do ano passado. Outras propriedades, como World of Warcraft e sua mais recente expansão, Shadowlands, também foram citadas como destaques, assim como games como Candy Crush e Crash Bandicoot: On The Run!

Fonte: Activision

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.